20 de janeiro de 2020

Frase do dia

Somente quando for cortada a última árvore, pescado o último peixe, poluído o último rio, que as pessoas vão perceber que não podem comer dinheiro. (Provérbio Indígena)

Farinha pouca

Mangaratiba recebeu, 1290 doses da vacina para o covid19, conforme distribuição nacional determinada pelo ministério da saúde. O cálculo, quanto à quantidade de imunizantes por município, obedeceu a princípios relacionados ao tamanho da população. Os primeiros atendidos serão os constantes do cronograma vacinal, que são os idosos acamados acima de 75 anos e os profissionais da linha de frente do combate a COVID-19. A imunização dos profissionais de saúde vai acontecer de forma itinerante durante os plantões médicos, enquanto os idosos acamados serão vacinados em seus domicílios. É importante lembrar que nesta fase inicial não haverá vacina disponível nas UBSs, ESFs ou no Hospital Municipal Victor de Souza Breves.

Meu pirão primeiro

Sem levar em conta que o Brasil tem mais de duzentos milhões de habitantes e essa fase da vacinação conta com pouco mais de quatro milhões de doses para atender a cerca de dois milhões de habitantes, alguns internautas utilizaram as redes sociais para reclamar que Mangaratiba recebeu “só” 1290 doses. Aqui mesmo na Costa Verde, Paraty, que conta com cerca de quarenta e três mil habitantes, recebeu, na mesma leva, 1.140 doses. Angra dos Reis, com mais de duzentos mil habitantes, pouco mais de quatro mil doses. Apesar de tudo, a dúvida que mais se ouve nas esquinas e nos bares é se algum político vai “furar a fila” e se vacinar antes das outras pessoas.

Sabe de nada… inocente

Há dez meses diziam: “Máscaras N95 só devem ser utilizadas pelo pessoal médico”. Ontem, diante da propagação das novas variantes da covid-19, muito mais contagiosas, surgiu a dúvida sobre a eficácia das máscaras usadas atualmente pela população para se proteger do coronavírus. O Alto Conselho de Saúde Pública da França foi consultado e recomenda a partir de agora apenas o uso de produtos de melhor qualidade. A grande maioria das máscaras industriais de tecido são adequadas, ao contrário das máscaras artesanais, que não filtram o ar suficientemente, indicou nessa terça-feira o ministro da Saúde francês. A orientação do HCSP, transmitida no domingo à Direção Geral da Saúde na França, mas ainda não publicada oficialmente, quase todos os modelos industriais de pano, destinados ao grande público e chamado de categoria 1, respeitam essa norma. O mesmo não acontece com as máscaras de pano caseiras. (Fonte: Rádio França Internacional)

Sabe de nada… inocente II

Desde a última quinta-feira, exaltados e emocionados apresentadores de noticiários se desdobravam em pisar e repisar a chegada das primeiras doses da vacina contra o coronavírus. Uma determinada emissora de televisão chegou a dedicar mais de seis horas ininterruptas à transmissão da reunião da Anvisa que avaliou a eficácia das vacinas, mesmo que o cidadão comum, em sua esmagadora maioria, sequer estivesse entendendo os termos técnicos apresentados pelos cientistas. Outra emissora deslocou equipes e repórteres para aeroportos para apenas transmitir “o momento” em que o avião partiria para a Índia, em busca de dois milhões de vacinas. O governador de São Paulo antecipou em uma semana sua promessa anterior, apenas para ser o primeiro a produzir o “espetáculo de mídia” da primeira vacina aplicada no Brasil.

Ressaca

Depois do final de semana, o avião para a Índia não passou do Recife e a Fiocruz já informa que vacinas da Oxford só devem chegar em março. As doses da Coronavac disponíveis, distribuídas de forma equitativa, não foram suficientes sequer para o pessoal da saúde de diversos estados. A promessa do Butantan de que em breve teríamos uma segunda leva de imunizantes que seria agora no final do mês, já está sendo adiada para fins de fevereiro. O princípio ativo que viria da China para a produção brasileira no instituto Butantan, está retido lá na origem, ao que parece, como forma de retaliação diplomática ao presidente Bolsonaro e seus filhos, que passaram meses falando mal da vacina e do país.

Autor: Prof. Lauro

Psicólogo, Professor Universitário, aposentado, e escritor, 72 anos, divorciado, três filhas e seis netos. Com residência de temporada em Itacuruçá desde 1950 e definitiva a partir da aposentadoria em 2001.

4 comentários em “”

  1. “Diante da significativa queda de popularidade detectada por recentes pesquisas e da crescente mobilização de parte da sociedade por seu impeachment, Bolsonaro tende a recrudescer sua guerra pessoal contra os brasileiros que não levam seu sobrenome ou não lhe devotam religiosa lealdade”, diz o Estadão, em editorial.

    “Nessa guerra tresloucada, a verdade, por ser a expressão da realidade, é a principal inimiga. A mentira tornou-se política de Estado sob Bolsonaro, e isso ficou ainda mais claro durante a pandemia (…).

    Que as instituições não se intimidem, exponham as patranhas do presidente e deixem claro a quem interessar possa que a democracia no Brasil não é uma contingência frágil, e sim uma sólida construção coletiva, que resistirá até mesmo ao bolsonarismo.”

  2. Para esfriar o impeachment, Jair Bolsonaro tem de sacrificar Eduardo Pazuello, transformando-o em boi de piranha ou bode expiatório.

    Uma frase, porém, o condena.

    Quando Jair Bolsonaro suspendeu a compra da Coronavac, Eduardo Pazuello declarou, provocando uma gargalhada de contentamento de seu chefe: “um manda, o outro obedece”.

  3. “O governador de São Paulo antecipou em uma semana sua promessa anterior, apenas para ser o primeiro a produzir o “espetáculo de mídia” da primeira vacina aplicada no Brasil.”

    Ainda bem que existe pessoas como o governador de São Paulo e seu secretariado que além do “espetáculo de mídia’, aplicou a vacina no Brasil e distribuiu, por enquanto de graça para todo o Brasil, uma vez que quem bancou todo este lote foi o governo de São Paulo e não o desgoverno federal… Obrigado Dória…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: