02 de janeiro de 2020

Frase do dia

É preciso de um final, pra poder recomeçar, como é preciso cair pra poder se levantar. Nem sempre engatar a ré significa voltar. (Bráulio Bessa)

Começar de novo

Passadas as bolhas do espumante e os e os eflúvios do álcool, já estamos no segundo dia do ano de 2020. Para quem não está de férias, hora de voltar ao batente da realidade. Ainda bem que sexta-feira é “logo ali”. Dos 366 dias do ano de 2020, já gastamos dois. Faltam 364. Nesse meio tempo, aqui no município, teremos diversos outros feriados prolongados, campanha política e eleições para o executivo municipal e vereadores. Em termos reais, vem muita “fake news” por aí, ao lado de muitas promessas que nem sempre serão cumpridas.

Ecos da virada

Alguma coisa aconteceu com a administração do distrito de Itacuruçá. De repente, talvez por falta de experiência, gerou-se um engarrafamento de quase quarenta minutos de trânsito parado na praça da estação. Ao final, constatou-se que o problema deveu-se à passagem do caminhão de recolhimento de lixo que deveria ter feito a coleta em torno das seis horas da manhã e não já no meio da manhã. Outra questão levantada por moradores foi a existência de várias churrasqueiras na praia, tanto em Itacuruçá quanto em Muriqui e nas praias das ilhas.

Limite de capacidade

Na véspera do Natal, uma moradora do município foi passear com parentes no distrito de Penedo, em Itatiaia. Achou curioso que ônibus e Van’s de turismo fizessem uma parada obrigatória no portal de entrada da cidade. Procurando saber mais, tomou conhecimento de que naquele lugar, apenas trinta ônibus podem entrar no distrito durante a semana e somente vinte, nos sábados domingos e feriados. Todos previamente agendados na prefeitura. Já por aqui, há anos estamos estourando todos os limites de capacidade de recepção. As imagens abaixo são do “Poção”, em Muriqui, a primeira, num dia comum fora de temporada. A segunda, de ontem, divulgada na manhã de hoje pelo internauta Rodrigo Âncora da Luz, nas redes sociais.

Limite de capacidade II

A Ilha das Couves, em Ubatuba, tem novas regras para visitação turística. Uma portaria publicada na última semana de dezembro pela Fundação Florestal estabeleceu medidas para garantir que o fluxo de turistas seja ordenado e não gere risco de degradação ambiental. As regras, que incluem a divisão de turnos por embarcação e número de visitantes, foram definidas em audiências públicas com participação da secretaria estadual de infraestrutura e meio ambiente e a Prefeitura de Ubatuba. As visitações ocorrerão em três horários diferentes – manhã, hora do almoço e tarde – e cada um deles será realizado por embarcações pré-definidas. Escunas e lanchas também terão autorização e o credenciamento das embarcações autorizadas a desembarcar na ilha será feito por meio de chamamento público.

Limite de capacidade III

A criação de regras ocorreu após uma superlotação na ilha, na temporada de 2018, que causou risco degradação ambiental. A situação motivou a atuação do Ministério Público Federal, que buscava mediar uma solução. Na época, o MPF já havia levantado a possibilidade da limitação no número de visitantes. O órgão demonstrou preocupação com a deterioração da ilha e com o impacto que a superlotação poderia causar na comunidade. Segundo a Fundação Florestal, após a temporada, onde foram contabilizados cerca de 2 mil turistas por semana, um grupo técnico elaborou um estudo de capacidade de suporte da ilha, que estabeleceu que ela só poderia receber 177 pessoas ao mesmo tempo. Com a definição de regras, a fundação pretende evitar danos ao equilíbrio do ecossistema que vinham sendo registrados em razão do grande número de turistas.

Publicidade

Autor: Prof. Lauro

Psicólogo, Professor Universitário, aposentado, e escritor, 72 anos, divorciado, três filhas e seis netos. Com residência de temporada em Itacuruçá desde 1950 e definitiva a partir da aposentadoria em 2001.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: