07 de novembro de 2018

Frase do dia

Quem te viu, quem te vê!Quem não a conhece não pode mais ver pra crer, quem jamais a esquece não pode reconhecer . (Chico Buarque de Holanda)

Novamente a velha luta

Um ano e meio depois de ter substituído a concessionária anterior, agora os ônibus da Expresso Recreio já começam a quebrar em seus trajetos. Conforme informações recebidas, houve hoje mais um caso perto da entrada do Morro do Cristo, na estrada RJ-14, chegando no Centro de Mangaratiba. Como venho dizendo, espero que com o novo governador assumindo, haja uma maior fiscalização quanto a essa empresa através do DETRO que é a entidade da Administração Pública Estadual responsável pelo transporte intermunicipal de passageiros aqui no Rio de Janeiro. (Rodrigo Âncora da Luz). O telefone para reclamação da Expresso Recreio é 38029365.

Sob lupa

A importância da câmara online vai se firmando a cada dia. Pelo menos 95 pessoas assistiram, via internet, à sessão do dia de ontem. Pode parecer pouco, para alguns, mas se todas essas 95 pessoas fossem pessoalmente ao plenário, não caberiam na assistência. Em contrapartida, também os nobres vereadores passaram a ter mais objetividade com os temas tratados. Ontem, por exemplo, foi anunciado que em breve, provavelmente por ocasião da passagem do aniversário da emancipação do município, será instalado um Procon – Mangaratiba. Um canal que, provavelmente, terá como principais denúncias queixas contra Enel, Cedae, Expresso, empresas de telefonia celular e internet.

Sob lupa II

Outra medida tomada, também muito aplaudida, foi a designação de uma intérprete de Libras (linguagem brasileira de sinais) ao lado do vereador que estiver discursando, para traduzir o assunto para deficientes auditivos. Importante ressaltar que tais inovações são exatamente o oposto do que fizeram outros presidentes da casa que, não faz muito tempo, chegaram a proibir e mandar retirar da assistência pessoas que tiravam fotos ou gravavam as sessões.

Escorregou

Com tais e louváveis avanços, o presidente interino da câmara só “escorregou” quando, no final de sua manifestação, ao mencionar a presença da nova intérprete de libras, dizendo que se tratava de uma ação voluntária de uma moradora de Conceição de Jacareí, dirigindo-se ao vice-prefeito eleito, atual vereador Chicão da ilha, disse pretender conversar com a administração que assumirá para buscar mantê-la no cargo. Em outras palavras, “pediu emprego para a moça”.

Correção

O site da câmara municipal de Mangaratiba está cometendo uma impropriedade semântica e até mesmo um tanto depreciativa, com relação aos vereadores que assumiram cadeiras em função do afastamento de outros, por diversos motivos. A impropriedade é chamá-los de “vereador-suplente”. Eles eram suplentes sim, apenas até o momento em que assumiram as cadeiras. Desde então, são vereadores tão plenos quanto os que assumiram logo após as eleições, pelo menos até que os afastados retornem à casa.

Utilidade pública

Usuários do Benefício de Prestação Continuada devem ficar atentos, pois todos os usuários devem estar com seus dados inseridos no sistema do Cadastro Único de programas sociais, até o dia 31 de dezembro do corrente ano, esse benefício, pode ser diferenciado, por não receber décimo terceiro e por não gerar pensão. O não comparecimento pode acarretar suspensão do benefício, conforme o Decreto 8.805/2016, que regulamenta o BPC. A inclusão no Cadastro Único é obrigatória agora para concessão e manutenção. Para maiores informações, compareça ao Cras mais próximo de sua residência.

RJTV

A cada matéria, fica evidente que existe um interesse não jornalístico, decerto instigado por alguém, em criar um clima desfavorável ao prefeito de Itaguaí. Depois de matérias falando do hospital e da questão dos uniformes escolares, na edição de ontem abordaram, com imagens, a rodoviária inacabada na entrada da cidade. A matéria foi ao ar como se o responsável fosse o atual prefeito, e não fez nenhuma menção de que foi ele mesmo quem iniciou a obra, em 2010, e a mesma foi abandonada por seus sucessores, Luciano Mota e Wesley Pereira.

Sem roubalheiras

A Petrobrás bem que podia usar o slogan do candidato daqui de Mangaratiba, Cledson Dutra, para anunciar seus resultados: “Se não roubar, o dinheiro vai sobrar”. Em tempos de operação Lava-Jato, e mesmo tendo de pagar mais de três bilhões de reais em ações movidas nos Estados Unidos, a Petrobrás anunciou neste trimestre, um lucro vinte e cinco vezes maior do que no mesmo trimestre do ano passado.

Arrependimento

Diante da sucessão de fracassos, fiascos e derrotas humilhantes em todo o país, várias lideranças do PT já se posicionaram favoravelmente ao reconhecimento dos “erros” históricos do partido ao longo dos últimos anos. A ex-presidente Dilma Rousseff já havia sugerido em entrevista que a única forma de restaurar a confiança do eleitor no PT seria através de uma autocrítica na qual o partido teria que reconhecer seus “erros” históricos. Em outra oportunidade, Dilma também jogou sobre o partido a responsabilidade do uso de dinheiro roubado em sua campanha. A senadora Gleisi Hoffmann também já sugeriu que os integrantes do PT deveriam fazer uma autocrítica e “erros” históricos relativos ao uso de “caixa 2” nas campanhas do partido. Caixa 2, como todos sabem, é dinheiro roubado do contribuinte, através da negociação de favores com empresários. Durante entrevista, a senadora ainda tentou distinguir o roubo de dinheiro público para uso em campanhas do PT e o roubo para enriquecimento pessoal. Munida deste argumento, Gleisi defendeu os presos na Lava Jato, como os ex-tesoureiros e ex-ministros do partido. Segundo a senadora, nenhum deles roubou para enriquecimento pessoal.  Depois, foi a vez do vereado Eduardo Suplicy publicar vídeo em sua conta no Facebook em que admite a roubalheira desenfreada no partido e reconhece que a legenda está repleta de ratos. Afirmou que o resultado do pleito nas cidades pelo país obrigará o PT a refletir sobre a situação da legenda.

Arrependimento II

Estes não são os únicos membros ilustres do PT que admitem terem sido coniventes com toda a roubalheira do partido ao longo dos últimos anos. Neste momento, a corrente majoritária da legenda defende que todos assumam seus erros publicamente. Não são poucos no partido que apontam que reconhecer os “erros” e desvios de dinheiro público é o único caminho para reconquistar a confiança da sociedade. O problema é que assumir a roubalheira a esta altura do campeonato seria mortal para o ex-presidente Lula, que, diante da dificuldade de se defender no campo jurídico, tenta se salvar de uma condenação no campo político, se vendendo como a “alma mais honesta deste mundo”. Neste cenário desfavorável ao ex-presidente, não pega bem admitir que roubaram no BNDES, na Petrobras, Nos fundos de pensão e até mesmo de velhinhos aposentados e endividados. Há quem diga ainda que admitir toda a roubalheira faria com que muitos petistas enxergassem aquilo que se negam a enxergar. Segundo teóricos do PT admitir que o partido praticou o maior assalto da história aos cofres públicos para financiar um plano de poder ambicioso significaria colocar um fim na fábula sustentada por muitos iludidos de que o partido é composto por gente honesta. (Fonte: Imprensa viva)

Autor: Prof. Lauro

Psicólogo, Professor Universitário, aposentado, e escritor, 72 anos, divorciado, três filhas e seis netos. Com residência de temporada em Itacuruçá desde 1950 e definitiva a partir da aposentadoria em 2001.

5 comentários em “07 de novembro de 2018”

  1. Sem roubalheiras

    Oba, quando vou receber minha parte nos lucros da Petrobrás mesmo não sendo acionista? Porque quando dá prejuízo é meu dinheiro de impostos que é jogado nesta empresa…

  2. Em tempo!

    Infelizmente, até o momento, a proposta da Lei Orçamentária Anual (LOA) ainda não se encontra disponível no sistema de consultas às matérias legislativas do Portal da Câmara Municipal, sendo importante que fosse dada uma total transparência ao seu texto para conhecimento da sociedade mangaratibense e interação do público com os vereadores. Lembro que a Mensagem n.º 31/2018 deu entrada no Expediente da sessão do dia 01/11 do corrente ano.

    Um abraço.

  3. Bom dia, Prof. Lauro e leitores.

    Primeiramente agradeço pela reprodução e divulgação de minha postagem feita no sítio de relacionamentos Facebook acerca dessa empresa Expresso Recreio que tanto vem decepcionando os usuários do transporte público este ano.

    Ontem mesmo eu pretendia comentar aqui, mas acabei deixando de fazer, que a regularidade da linha Itaguaí x Mangaratiba, via Axixá, ainda não é satisfatória. Sou morador de Muriqui e, quando vou para Mangaratiba de ônibus, muitas das vezes, dependendo do horário, acabo tendo que caminhar até à rodovia Governador Mário Covas (Rio-Santos) para conseguir chegar a tempo na sede do Município. Isto porque há momentos em que as vans passam lotadas e os ônibus da empresa demoram até mais de uma hora.

    É certo que a situação da linha para Conceição de Jacareí parece estar muito pior. Mas, neste caso, creio que a solução seja mais fácil porque o transporte dentro do Município tem como ser resolvido através da Prefeitura que passaria a prestar o serviço diretamente ou, como é mais comum, conceder ao particular o serviço.

    Consideramos que teremos um governo municipal com esperado viés participativo, deixo minha sugestão ao vereador Helder Rangel (PSDB) que reitere a Indicação de n.º 800/2017, de sua autoria, na qual havia apresentado a sugestão de um projeto de lei de iniciativa do Chefe do Executivo quanto ao transporte comunitário complementar. A respeito desta proposta, cheguei a comentar em novembro do ano passado num blogue como pode ser lido no seguinte link:

    http://melhorarmangaratiba.blogspot.com/2017/11/a-importancia-do-transporte.html

    Segundo consta no texto da justificativa da Indicação, o crescimento urbano do Município e a formação de novos bairros e comunidades impõem a necessidade de “integrar todas as localidades com o centro de seu respectivo distrito, facilitando a locomoção de pessoas” para que haja mobilidade dentro de Mangaratiba. Senão vejamos o que foi muito bem exposto neste trecho da proposição aprovada no dia 19/10/2017 pelo Legislativo Municipal:

    “(…) a idéia do Serviço de Transporte Complementar Comunitário vem atender à essa demanda, possibilitando que os próprios moradores das localidades possam integrá-las com o centro do bairro ou do distrito, seja por veio de uma van, kombi, barco ou qualquer outro meio de transporte válido. Pois muitas vezes as pessoas desejam apenas cumprir trajetos simples como ir até o mercado mais próximo fazer compras, buscar o filho na escola ou ir até o posto de saúde mais perto, sendo os itinerários das linhas dos ônibus incompatíveis. Apenas exemplificando, o transporte complementar comunitário poderá levar os moradores de Rubião até Bela Vista, na Serra do Piloto, conduzir pessoas dentro da própria Gamboa na Ilha de Itacuruçá, integrar entre si os residentes e veranistas das comunidades existentes na Ilha de Jaguanum através de um barco, ir do Centro de Itacuruçá até Brasilinha, fazer o trajeto do alto de Itacurubitiba até Conceição de Jacareí, ou do Centro de Muriqui até o Morro da Encrenca (…)”

    E já que estamos a falar de uma atividade parlamentar, comento brevemente que a Câmara Municipal realmente tem avançado na atual legislatura, ainda que precise se aperfeiçoar mais. As transmissões online das sessões (e hoje da audiência pública sobre a LOA que começa às 10 horas), bem como o trabalho voluntário da intérprete e o projeto do PROCON, de iniciativa do ver. Rodrigo Bondim (PSOL) mostram que as coisas estão evoluindo. E, neste sentido, devemos aqui reconhecer os excelentes trabalhos da ONG Mangaratiba Cidade Transparente e do Grupo de Acompanhamento Parlamentear (GAP), sem os quais os nossos edis não teriam saído da acomodação na qual muitos se encontravam até os primeiros meses do ano passado.

    Daqui por diante, espero ver cada vez mais mudanças e acredito que não teremos mais aqueles gastos exorbitantes com cursos em outros estados. Inclusive, mesmo sem conhecer o estado das finanças do Legislativo Municipal, acho até que deve ser estudada a possibilidade de devolução de valores à Prefeitura.

    Para concluir, termino esse longo comentário ressaltando o quanto é importante a participação de todos nas três audiências públicas que teremos no Plenário da Câmara sobre a Lei Orçamentária Anual (LOA), nos seguintes dias e horários:

    Dia 07/11/2018, às 10h – Sala das Sessões – Câmara Municipal de Mangaratiba; (hoje)

    Dia 13/11/2018, às 13h – Sala das Sessões – Câmara Municipal de Mangaratiba; (próxima terça-eira)

    Dia 14/11/2018, às 10h – Sala das Sessões – Câmara Municipal de Mangaratiba.

    Ótima quarta-feira a todos!

  4. O atual prefeito é responsável sim pela obra inacabada da rodoviária, ele começou a obra e deveria ter terminado, ele que deixou a obra inacabada para os seus sucessores que por sua vez, tão bem poderiam ter concluído a obra. Agora ele já esta a quase dois anos no mandato e a rodoviária continua do mesmo jeito. Esse prefeito já deveria estar na prisão ha muito tempo, ele esta destruindo Itaguaí.
    Só não acredito que exista alguém que tenha a cara de pau de defender esse sujeito!

  5. É a Camara quem deveria contratar a interprete de libras e depois fazer um concurso público. O Legislativo não tem verba para arcar até com diárias em congressos? A Prefeitura já estourou até a folha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: