20 de fevereiro de 2018

Frase do dia

A segurança só para alguns é, de fato, a insegurança para todos. (Nelson Mandela)

Homicídio

Relatos nas redes sociais noticiam que o morador do município conhecido como Henrique Mangaratiba foi morto a tiros na noite de ontem. As informações ainda são bastante desencontradas a respeito do que realmente aconteceu, no entanto, todos os depoimentos são unânimes em assegurar que se tratava de uma pessoa do bem, muito ligada aos esportes.

Versão oficial

A respeito da possível tentativa de assalto que teria acontecido na tarde de domingo no túnel entre Muriqui e Itacuruçá, a Polícia Rodoviária Federal informou oficialmente: “Um carro roubado foi recuperado e um suspeito foi preso pela Polícia Rodoviária Federal, após uma troca de tiros na rodovia Rio-Santos. Equipes do moto policiamento da PRF faziam uma ronda pela rodovia, quando foram acionadas por populares. Bandidos armados com fuzis estariam assaltando motoristas próximo ao túnel de Muriqui. quando os policiais chegaram no local, foram recebidos a tiros por ocupantes de um carro preto. Eles iniciaram uma fuga até o morro do carvão, em Itaguaí. Com apoio do helicóptero da PRF, os policiais conseguiram encontrar o carro usado pelos bandidos. O automóvel estava parado em uma rua dentro da comunidade. No momento em que as equipes se aproximaram do local, um suspeito saiu correndo de dentro do carro, mas foi alcançado. Ele estava com um rádio comunicador e não soube explicar de quem era o veículo. A ocorrência foi encaminhada à polícia civil. A ação faz parte da operação égide, que reforça o policiamento nas rodovias federais do estado. (Polícia Rodoviária Federal/ Núcleo de comunicação social- RJ)

PRF

Toma que o filho é teu

Já a respeito do fato, assim se pronunciou o secretário de segurança do município em uma rede social na noite de domingo: “Atenção! Vamos parar de usar as redes sociais para aterrorizar a população. Não há qualquer anormalidade no túnel de Muriqui. O trânsito está fluindo com absoluta normalidade e sem engarrafamento. Não há qualquer atividade criminosa no local, e nenhum registro feito na 165 DP, e sim em Itaguaí na 50 DP.”

Carta aberta ao interventor

Espero que o Senhor tenha um bom poder de persuasão sobre os membros do MP, do judiciário, e dos parlamentares que só entram em favela, nas vésperas das eleições para pedir voto. Nossa guerra é desleal, não temos treinamento, fardamento, alimentação, apoio logístico, e o pior, não temos apoio da população, por quem sacrificamos nossas vidas diariamente, somos massacrados pela mídia, por policiólogos que só conhecem a violência pela TV, e não temos apoio jurídico para nos defender quando erramos. São frações de segundos que podem transformar um herói, em um vilão. Enfim poderia escrever um livro, sobre a guerra diária no RJ, mas prefiro apenas resumir: tenho 19 anos de serviço (na ponta da lança), tenho alguns autos de resistência, já fui baleado e pude perceber que o momento em que você é socorrido por seus colegas de farda e sua vida está nas mãos dos médicos da rede pública, só Deus mesmo é quem pode decidir se é sua hora ou não. Nós policiais do RJ, estamos à espera de um milagre, mas, enquanto nosso Salvador não volta, temos um General do Exército Brasileiro, enviado com a missão de botar ordem no caos. Estamos todos confiando no Senhor, 01. Bem vindo à Guerra!” (De um sargento da Polícia Militar)

Os dois pratos da balança

O Supremo Tribunal Federal vai avaliar, nesta terça-feira, habeas corpus coletivo de Advogados em Direitos Humanos para grávidas e mães de crianças de até 12 anos. A decisão pode beneficiar 4.560 mulheres presas em todo o país. O caso será julgado na Segunda Turma do STF, composta pelos ministros Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Celso de Mello e Edson Fachin. A tendência é a maioria conceder o habeas corpus, que atingiria apenas presas provisórias – ou seja, que ainda não foram condenadas. Mas a regra admitiria exceções. Ou seja, uma criminosa muito perigosa poderia ser levada para a cadeia nessas condições, se o juiz fundamentar o decreto de prisão com os motivos que o levaram a tomar essa atitude. O assunto ganhou força recentemente, quando Jéssica Monteiro, de 24 anos, foi flagrada com 90 gramas de maconha e foi presa. Um dia depois, ela entrou em trabalho de parto em uma cela com condições insalubres. Foi levada a um hospital e, dois dias depois de ter parido, voltou a ser presa. Jéssica é ré primária e mãe de um menino de três anos. Também faz parte do habeas corpus coletivo o caso de Cristiane Ferreira Pinto, grávida de 9 meses e mãe de dois filhos – um de sete e outro de um ano -, que está presa preventivamente desde 28 de janeiro no presídio feminino de Franco da Rocha por furto de comida em um supermercado. (Fonte: Diário do Poder)

Autor: Prof. Lauro

Psicólogo, Professor Universitário, aposentado, e escritor, 72 anos, divorciado, três filhas e seis netos. Com residência de temporada em Itacuruçá desde 1950 e definitiva a partir da aposentadoria em 2001.

Uma consideração sobre “20 de fevereiro de 2018”

  1. Boa noite, Prof. Lauro e leitores.

    Não restam dúvidas de que a insegurança no nosso Município está demais e que a vida humana aqui está perdendo o seu valor como já ocorre na região metropolitana desta unidade federativa.

    A intervenção federal no RJ está chegando tarde, mas importa é que ela veio. E, quer tenha sido motivada por razões politiqueiras de um presidente que soube manobrar os acontecimentos diante de sua derrota na tentativa de aprovar a reforma previdenciária, fato é que estamos diante de uma oportunidade para tornarmos o Rio de Janeiro um estado mais seguro de se viver reestruturando as polícias.

    Soube hoje pela manhã, na sessão da Câmara sobre o covarde assassinato de um morador do Município, a respeito do que se fez um minuto de silêncio. Não me recordo de tê-lo conhecido, porém, ao que parece, aqueles tiros poderiam ter acertado o peito de qualquer um de nós que não queremos o mal.

    Meus sentimentos aos familiares da vítima.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: