13 de agosto de 2017

Frase do dia

A mentira é uma verdade que se esqueceu de acontecer. (Mario Quintana)

Incongruência

Um grupo de moradores e Itacuruçá pretende ir à festa da cachaça de Paraty, no próximo final de semana. Para ir, conseguiram se integrar a um grupo que virá do Rio de Janeiro. Contudo, segundo os organizadores, precisarão se deslocar lá para o posto Capixaba, lá na Rio x Santos, para pegar ônibus, para o veículo entrar no distrito e pegá-los em frentre às suas residências, seria necessário pagar uma “taxa de ingresso” de ônibus que gira em torno de mil reais.

Turismo

Na manhã de ontem, pouco depois que o sol nasceu, diversos grupos de pescadores já estavam na orla de Itacuruçá aguardando os barcos para um dia de lazer na nossa baía. São eles que, fora da temporada de verão, movimentam a economia local logo assim que o sol nasce. Tomam cafés nas padarias, compram cervejas, água, refrigerantes, gelo, iscas. Ontem, no meio da manhã, já eram mais de vinte barcos de médio porte, cada um com pelo menos dez pessoas, buscando os pontos de pesca. Contudo, a atividade não conta com qualquer tipo de incentivo por parte do poder público.

A propósito

Em outubro de 2016, o distrito foi, literalmente, invadido por “caiaqueiros”, mais de quatrocentos, que realizaram um dia de pesca esportiva em Itacuruçá. Além de não contarem com qualquer tipo de apoio por parte do poder público, quase foram constrangidos por “fiscais” que queriam que eles apresentassem licença para a realização do evento. Como todos lembram da nota aqui no blog à época, eles apresentaram cópias dos pedidos encaminhados à prefeitura que nunca tiveram resposta. A grupo promete, para outubro próximo, realizar outra vez o evento, agora, com a participação de caiaqueiros nacionais e internacionais. Vamos ver como o poder público vai se posicionar a respeito.

Tempos modernos

Muitos moradores já começam a considerar que, após a exclusão da Expresso Mangaratiba e da Viação Costeira do município, qual será o próximo de luta. Existem pelo menos mais quatro a incomodar a população: as menos frequentes, mas ainda existentes, interrupções no fornecimento de energia por parte da Eneel; o abastecimento de água, especialmente no verão; o esgoto despejado “in natura” diretamente no mar e o provimento de acesso à internet de qualidade, vez que, em todos os distritos, o serviço prestado, tanto pela operadora Oi Velox, quanto por todos os provedores particulares deixam muito a desejar.

Transportes

Moradores chegaram até a se espantar, ontem, com a quantidade de ônubus fazendo a linha Itacuruçá x Itaguaí. Agora, além do Mangaratiba via Axixá, que passa a cada meia hora, estão à disposição novos horários Itacuruçá x Itaguai, pela própria viação Recreio e Itacuruçá x Nova Iguaçú, pela empresa Ponte Coberta.

Assalto

Em Muriqui, às seis horas da manhã há cerca de duas semanas, uma padaria foi assaltada por jovens bandidos oriundos da favela do “Chapadão”. Pouco depois, os meliantes exibiam os itens e dinheiro roubados nas redes sociais. Segundo o relato do proprietário do estabelecimento, eles esperaram o funcionário começar a abrir as portas para rendê-lo e efetuar o roubo.

Amigo

Quem não tem com quem conversar sempre acaba dando um jeito.

Anúncios

4 respostas em “13 de agosto de 2017

  1. Bom dia, Prof. Lauro.

    Até entendo o motivo dessa alta taxa de ingresso dos ônibus de turismo no Distrito pois o objetivo do legislador, ao que me parece, foi justamente o de criar dificuldades para a vinda em massa de visitantes no verão, devido ao grande descontentamento dos moradores com os “duristas” que lotam as nossas praias nos meses de setembro a abril.

    Infelizmente, isso acaba sendo uma faca de dois gumes porque vem a prejudicar a nossa população em fazer turismo para outros lugares, como na notícia que divulgou sobre a festa em Paraty.

    Uma solução parcial seria, na baixa temporada, haver incentivos para que, principalmente nos meses de maio a agosto, a atividade turística não sofra tantas restrições. Mas para isso, precisaria haver uma nova lei concedendo uma redução ou mesmo isenção da referida taxa.

    Aliás, falando nas taxas, nosso Município anda perdendo um bom dinheiro por não estar tributando o embarque de passageiros no cais de Conceição de Jacareí. E lá entendo que o valor não deve ser tão alto a ponto de inviabilizar a atividade do transporte marítimo, mas, sim, visando arrecadar ao máximo e com sustentabilidade do turista que parte para a Ilha Grande. Claro que para isso, Mangaratiba precisará oferecer algum serviço decente capaz de justificar a cobrança, sendo que a vinda de uma concessionária para administrar o cais pode ser a melhor saída em termos de eficiência e de segurança para o consumidor.

  2. Desenvolver o turismo não interessa aos coronéis que mandam nesta Sucupira porque vai abrir novas portas de emprego e o povo não precisará mais se rastejar nos gabinetes dos políticos para trabalhar na Prefeitura.

  3. Professor.:
    Voltando de Angra passei por 487 Templos .
    Todos vazios ou quase,
    Crise na fé?
    Emoticons são suficientes?
    Dízimos são vitais…
    Se não,perdem as franquias.

    • Caro Eduardo,

      As igrejas evangélicas em nosso Município (e acho que em Angra também) são muitas, porém com poucos membros atuantes. Esta é a mesma realidade da época quando cheguei para morar em Mangaratiba. Talvez, em décadas passadas, as instituições neopentecostais dos pastores midiáticos deveriam ter um número maior de pessoas, porém em templos situados nas cidades maiores.

      Pelo que observo, o protestantismo no Brasil vive um momento de crise que obrigará os seus teólogos e pastores a pensarem numa mudança rumo à uma religião mais compreensiva, menos proselitista, mais científica, atenta aos problemas sociais e que faça uma leitura aberta das Escrituras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s