12 de julho de 2017

Frase do dia

Quando a grama do vizinho estiver mais verde, não necessitamos de ir visitá-la, experimentá-la. Basta regar a nossa grama. (Rafael Gonçalves)

Reclamação

De um morador. 23:57 do dia 11/7/17 “Estou aqui no Hospital de Mangaratiba, depois de ter passado no PS de Muriqui e não poder ser atendido (digo, minha filha não poder ser atendida) pois lá não atende criança, que c*** faço eu? Quase meia noite batendo na porta do PS, só pode ser emergência e nem da recepção eu passo. Encaminham direto para o hospital. Agora eu pergunto. Para que serve o PS? O que os médicos que lá trabalham fazem? Metade do plantão é dormindo, claro! Para qual motivo tem um PS em cada bairro do município se você não pode ser atendido? Ao menos ter uma prévia do que pode ser. Identificar o sintoma do seu problema. Afinal o clínico(a) que esta de plantão estudou para tal. Imaginem se não tenho carro. Como me deslocaria até Mangaratiba? Pois transporte público não temos neste horário. Simplesmente um absurdo! Eu quero ver o dia que alguém morrer por causa dessa falta de atendimento! Simplesmente revoltante! (Marcus V. Batista, via facebook)

Reclamação II

Vários quiosques na praia do saco viraram moradia de sem teto e mendigos, inclusive com fogão e gente cozinhando. cadê a secretaria de assistência social e direitos humanos? Cadê o secretário de turismo que não vê esse atrativo turístico maravilhoso? (Carlos Ferreirinha, via facebook)

A resposta

Estamos fazendo o atendimento de todas as pessoas em situação de rua esse atendimento e feito com a equipe do CREAS q está se empenhando para retornar com essas pessoas para seu laço familiar e cabe ressaltar q todo cidadão tem o direito de ir e vir não podemos obrigar os mesmos a saírem das ruas! Estamos nos empenhando o possível dentro da lei para garantir o direitos das pessoas! (Leandro de Paula)

Invasão ao Carvão

Uma grande operação policial no início da manhã de ontem, da Polícia Civil, resultou na prisão de quatro elementos e na apreensão de uma menor, no Morro do Carvão, em Itaguaí. A mobilização contou com quase 100 homens do Departamento de Polícia da Baixada. A operação foi uma reação ao caso ocorrido na noite de sábado, quando dois policiais civis teriam ficado encurralados na mata e atacados com tiros. Houve interrupção do tráfego na Rio x Santos, na altura do restaurante Dom Zelitus.

É bom saber

O Detro-rj não tem autoridade para aplicar multas, apreender documentos ou apreender veículos de passeio. Quem pode aplicar multas de trânsito e apreender veículos e documentos são: Polícia Rodoviária Federal: pode aplicar e arrecadar as multas impostas por infrações de trânsito – atenção! – nas rodovias e estradas federais (apenas nas BR’s); Polícia Rodoviária Estadual: pode aplicar e arrecadar as multas impostas por infrações de trânsito nas rodovias e estradas estaduais (SP’s, RS’s, RJ’s); Polícia Militar: pode aplicar multas, mas apenas se houver convênio com os municípios. Um exemplo muito comum é o convênio para a atuação nas Blitz’s da Lei Seca, onde os agentes municipais de trânsito atuam junto com policiais militares. Dentro dos municípios: a Guarda Municipal não pode aplicar multas. Só podem aplicar multas de trânsito dentro dos municípios os Agentes Municipais de Trânsito, devidamente concursados e nomeados para exercerem tal função, ou Policiais Militares, se houver convênio com o município. O DETRO não pode autuar ou apreender veículos de passeio ou seus documentos. O DETRO tem como objetivo a concessão, a permissão, autorização, planejamento, coordenação, fiscalização, inspeção, vistoria e administração dos serviços intermunicipais de transportes de passageiros por ônibus e serviço complementar em seus diferentes regimes, e o planejamento, coordenação e vistoria e fiscalização dos serviços intermunicipais de cargas, e todos os demais atos implícitos. (Sérgio Prata)

Non sense ou guerrilha?

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, suspendeu a sessão destinada à votação da reforma trabalhista cortando a luz do plenário. A decisão foi para acalmar os ânimos dos senadores de oposição que ocuparam a Mesa Diretora na intenção de impedir a aprovação da reforma. Eunício Oliveira deixou o plenário da Casa por volta das 12h30, declarando que a sessão para votação da reforma trabalhista será retomada “quando a ditadura deixar”. Alguns senadores garantem que o breu total é o momento em que o Senado ficou mais bonito em toda a sua história, já que não é possível ver as articulações políticas acontecendo. Depois de mais de seis horas de suspensão, o Senado reabriu a sessão para votar a reforma trabalhista. “Estou profundamente chocado com o que estou vendo hoje. Já esperei por mais de sete horas. O problema não é o mérito da matéria. É a desmoralização da Casa. É a primeira vez que vejo isso na vida”, afirmou Eunício ao retomar a sessão.

Conselho de ética

O senador José Medeiros protocolou representação no Conselho de Ética contra as cinco senadoras da oposição que ocuparam a mesa ao longo do dia. Ele alega que houve falta de decoro parlamentar pelo ato. Gleisi, que é presidente nacional do PT e uma das senadoras alvo do requerimento, protestou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s