26 de junho de 2017

Frase do dia

Discordar de um lado não é concordar com o outro. (Anônimo)

Será que vai?

Depois de quase um ano de ruas escuras, a Prefeitura de Mangaratiba promete iniciar, no dia em três de julho, licitação para a restauração da iluminação pública em todo o município.

A questão da segurança

De acordo com um observador da questão da segurança dos passageiros dos ônibus que fazem o percurso Itaguaí x Mangaratiba, uma dos aspectos básicos respeito à competência da intervenção, vez que a rodovia Rio x Santos é Federal, portanto sob responsabilidade da PRF e essa instituição não permite que a Polícia Militar ou a Polícia Civil atuem em sua área.

O gás

Repercutiu fortemente no município a notícia da possível implantação de gás encanado em Mangaratiba.

– Se eu sou prefeito faço uma consulta popular pra saber o que a população quer, e está evidente que a população quer saúde e educação, gás sim, mas depois da saúde. (Manoel Pires)

–  Amigo enquanto no posto de saúde de Muriqui não tem nem copo descartável para a pessoa tomar uma água, eles estão fazendo circuito do forró e o povo bate palmas. É desse jeito. (Cleusa da Conceição)

– Se a Luz está uma vergonha, imagina o gás. Cleyde Moura)

– Confundem o conceito de desenvolvimento ao apontarem como benefício, algo que não estamos estruturados para receber e que não é prioridade. Quem aqui, nunca presenciou morador esburacando ruas para fazer ligação de água clandestina ou ligando suas tubulações de esgoto in natura? Imagine o estrago disso com tubulação de gás passando? E a não formação profissional dos próprios funcionários da prefeitura realizando consertos nas ruas? E a fiscalização precária? E o gasto dos munícipes com a instalação em prédios, cujos projetos, não previram este “desenvolvimento” e foram executados por “curiosos” em suas instalações elétricas e hidráulicas? As residências que ficam fechadas meses ou anos sem manutenção? E isto significa desenvolvimento? Ou desenvolver é investir em saúde, educação, capacitação, geração de empregos que não sejam temporários, por empreitada, respeitar as características de balneário turístico e preservar o meio ambiente, coleta seletiva, rigorosas fiscalizações na hora de concessão de loteamentos e empreendimentos, mobilidade urbana, etc.. (Leila Castro)

 Muito suspeito esse interesse da prefeitura pelo gás de rua. Como vc disse não temos planejamento e nem infraestrutura para um projeto desse nível, vai sobrar para os moradores, prejuízos e aborrecimentos. Não faz sentido esse projeto, sentido faria investir em saúde e educação…mas gás encanado! Muito suspeita essa prioridade de gás. Manoel Pires|)

O síndico

Só para trolar. Este é o síndico do condomínio onde ninguém quer morar por vontade própria.

Camelôs e produtos baratinhos

Milhares de latas de sardinhas que seriam entregues em escolas da rede pública do Estado de São Paulo foram parar nas mãos de vendedores ambulantes dos trens do Rio de Janeiro. A carga foi roubada de um caminhão na Avenida Brasil, na altura de Irajá, na noite da última terça-feira, e era comercializada em alto em bom som em estações do ramal de Belford Roxo da SuperVia na tarde de ontem. As latas, de 850 gramas, de sardinhas conservadas em óleo, da marca Sulpesca,eram vendidas a R$ 5,00, preço bem abaixo do praticado pelo mercado. Em supermercados do Rio, uma lata de 125 gramas custa em torno de R$ 3. Os produtos tinham um aviso na embalagem que parecia não incomodar quem comprava a mercadoria: “Alimento Escolar, venda proibida”.

Segue

Segundo o registro de Ocorrência, número 918-00752/2017, da Delegacia de Roubos e Furtos do Rio, enviado pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, foram roubados do caminhão 13,2 toneladas de sardinhas, que correspondem a 15,5 mil latas de 850 gramas. O boletim diz que a carga, avaliada em R$ 71 mil, pertencia à empresa Costa Marine, que tem uma fábrica em São Gonçalo e produz as sardinhas em conserva da marca Sulpesca.

O motorista do caminhão disse, no depoimento, que, por volta das 20h50 do dia 20, foi surpreendido por ocupantes de um gol preto na Avenida Brasil, antes da última agulha para pegar a Rodovia Presidente Dutra. Os assaltantes pararam o carro na frente do caminhão, obrigando-o a frear. Um dos bandidos, então, segundo o condutor, desceu com a arma apontada em sua direção e entrou no caminhão. Ele então foi obrigado a dirigir até o Complexo do Chapadão, onde ficou em poder dos criminosos por cerca de duas horas, até que todos os enlatados fossem retirados do caminhão. A secretaria informou que não houve prejuízo para os cofres públicos, pois a carga ainda não tinha sido entregue. (Fonte: O Dia)

Tem mais, tem de tudo

Os vagões da SuperVia se transformaram em ‘feira’ com vários tipos de produtos à venda, entre eles: drumet de frango, tinta para cabelo, amaciante de roupa e peças inteiras de picanha. O principal atrativo dos produtos roubados é o preço. “Comprar barato não é vergonha, é oportunidade”, diz um vendedor. (Fonte: O Dia)

Retomando caminhos

A Educação de Itaguaí mais uma vez merece destaque. A Secretaria Municipal de Educação trabalhou durante meses e apresentou terça-feira, dia 20, no Teatro Municipal, a Resolução SMEDU nº 004/2017, que trata da Terminalidade Escolar Específica para Alunos com Deficiência. Isso significa que os alunos com deficiência da rede municipal poderão receber certificação referente ao ano de escolaridade concluído. O Departamento de Legislação e Normas (DLN) elaborou a resolução junto à equipe de Educação Especial do Departamento Geral de Ensino (DGE) visando à inclusão dos alunos e respeitando a autonomia individual dos estudantes com deficiência. “Itaguaí é um dos poucos municípios que tem regulamentada a terminalidade específica. A SMEDU quer que o aluno esteja em sala de aula, aprenda, progrida e que saia da escola pronto para seguir seu caminho”, disse Jayme Barbosa, coordenador de Supervisão Educacional. Para isso, a equipe pedagógica das unidades deverão preparar o PPI (Projeto Pedagógico Individualizado) e desenvolver as atividades que promovam a adaptação do aluno deficiente no ambiente escolar. As unidades escolares deverão arquivar todos os documentos que comprovem a progressão do estudante e através disso a SMEDU expedirá a certificação de escolaridade.

Agenda Crivella

A denúncia foi feita à emissora de rádio Band News FM pelo ouvinte Renato Rodrigues. Ele disse à rádio: “Eu estava com a minha enteada quando uma cena me chamou a atenção em Bonsucesso. Um caminhão da Comlurb fazendo serviço dentro da Igreja Universal do Reino de Deus. Tirei uma foto da cena e o motorista veio falar comigo. Ríspido, ele disse que eu não poderia tirar a foto, que ele era terceirizado e que isso poderia prejudicá-lo. Só que o caminhão é da prefeitura. É um absurdo que ele seja usado para prestar serviço para a igreja. É o nosso dinheiro que está sendo usado” De acordo com a Band News, a Comlurb foi procurada mas não se manifestou.

Anúncios

Uma resposta em “26 de junho de 2017

  1. Bom dia, Prof. Lauro.

    A meu ver, o serviço prestado pela CEG poderá dar certo caso a empresa saiba incentivar o consumidor residencial a migrar para o GNC. Isto significa que precisarão oferecer não somente uma tarifa acessível como também um bom motivo para que as pessoas físicas fazer negócios com a companhia independentemente de eventuais restrições cadastrais e dos problemas com a mobilidade urbana, considerando a necessidade de haver uma central de atendimento e/ou de vendas no Centro do Município.

    De qualquer modo, entendo justificáveis todos os esforços para termos um serviço de melhor qualidade e mais benéfico para o meio ambiente, mas que seja também economicamente acessível para as pessoas físicas e pequenas empresas. Afinal, o GNC precisa ser comercializado em valores compatíveis com o poder aquisitivo de quem vive nas cidades interioranas, pois só assim é que o produto será realmente atrativo para todos.

    É o que desejo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s