28 de fevereiro de 2017

Frase do dia

O futuro tem muitos nomes. Para os fracos, é o inatingível. Para os temerosos, o desconhecido. Para os ousados, a oportunidade. (Victor Hugo)

Carnaval 3º. Dia

A segunda-feira de carnaval acabou se transformando na “prova de fogo” deste carnaval de 2017. Sendo o dia que sempre concentrou milhares de visitantes, especialmente no distrito de Itacuruçá, a população permanente tinha dúvidas quando à eficárcia do controle municipal. Pois, pelo menos até o início da tarde, o distrito viveu um dia de casa cheia sim, mas com grande tranquilidade.

Carnaval 3º. Dia II

Os controles de segurança pública funcionaram desde cedo, como era esperado e nunca acontecia em governos anteriores. Três pontos de bloqueio policial foram instalados no distrito. O primeiro no DPO, pela Polícia Militar, retendo e autuando carros de som e vans piratas. O segundo, no Largo do Sapo, sob a responsabilidade da Polícia Civil. O terceiro, pelas equipes da “Lei Seca”, nas proximidades do colégio Caetano de Oliveira. Também teve Lei Seca no Sahy.lei-seca-sahy

Carnaval 3º. Dia III

Além dos bloqueios de segurança, a cargo da PM, Polícia Civil e Equipe da lei Seca, ainda atuaram equipes do “Choque de Ordem”, reprimindo o comércio irregular nas ruas do distrito, apreendendo mercadorias de ambulantes não autorizados e verificando credenciais dos que dispunham de autorização.

Carnaval 3º. Dia IV

Apesar da diminuição da presença de visitantes de um dia no município, até pouco mais de duas da tarde ainda havia lento engarrafamento no sentido de subida desde Itaguaí, com forte pressão no túnel de Itacuruçá.

Carnaval 3º. Dia V

Como era de se esperar, o cancelamento da participação da prefeitura nos festejos de carnaval não poderia exonerar o poder público de cuidar de outros aspectos nos cuidados com a cidade cheia de gente. De modo geral preocuparam-se (corretamente) com a segurança pública. Entretanto, algumas coisas essenciais ficaram de fora. Em Muriqui, por exemplo, visitantes improvisaram um bloco com o sugestivo nome de “Bloco do Xixi”, reclamando da ausência de banheiros. Já os moradores das áreas onde ficam as maiores concentrações de pessoas, reclamaram do forte cheiro de urina nas ruas.bloco-do-xixi

Apelo desesperado

Divulgado em uma rede social ontem pouco antes das nove da noite. “Recebi um comunicado agora, que a praia de Muriqui está sem segurança nenhuma. Já saiu pancadaria e até tiro. Todo mundo correndo. Estão ligando para o 190 e para o DPO e ninguém atende.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s