27 de fevereiro de 2017

Frase do dia

Coragem não é ausência de medo. É persistência, apesar do medo. (Padre Jocelir)

Carnaval 2º. Dia

Para fugir do engarrafamento no túnel entre Itacuruçá e Muriqui, alguns motoristas que conhecem a região preferiram entrar por Itacuruçá para chegar ao distrito vizinho pela RJ 14. Um deles, no entanto, teve uma amarga surpresa. Quando já estava no fim da subida do Axixá, num dos últimos quebra-molas da via, foi surpreendido por um grupo de bandidos que lhes roubou celulares e carteiras.

Carnaval 2º. Dia II

Manifestação do secretário de Segurança e Ordem Pública. “Peço para a população de Mangaratiba paciência em relação ao atendimento prestado no combate à desordem pública, promovida pelo som automotivo.  As apreensões que deveriam ser realizadas em locais onde existe grande aglomerado de pessoas, torna o acesso das viaturas e reboque inviáveis em razão da desobediência civil e falta de educação verificadas. As apreensões, nestas circunstâncias, só podem ocorrer com o apoio das Policia Civil e Militar que, por estarem com o seus respectivos efetivos também comprometidos em suas atribuições constitucionais, também não podem atender a solicitação de constante apoio, sendo isso perfeitamente compreensível. Todavia, cientifico que todos esses irresponsáveis e inconseqüentes, independentemente onde estiverem promovendo a desordem pública, vão receber em suas residência ou local de guarda dos veículos, multa no valor de R$ 2.147,23. Assim, talvez jamais voltem para desrespeitar pessoas de bem pois vão saber e sentir que no município de Mangaratiba os direitos tem que ser respeitados! (Vitor Carvalho)

Carnaval 2º. Dia III

Hoje saí com meus filhos e minha mãe para dar uma volta em Muriqui. Tentei ir até o bar de um amigo, fora do centro de Muriqui, logo, achei que não fosse ser uma tarefa difícil.
Ledo engano o meu.  Logo na minha rua (Tiradentes) tive que sair da calçada e ir pela rua porque a calçada estava toda quebrada e era impossível andar com um carrinho de bebê. Na rua seguinte também tive que andar pela rua porque os moradores colocaram mesas, barracas e cadeiras pelas calçadas, impedindo andar por ali. Os bares então, nem se fala, cadeiras, mesas, se espalhando pelas calçadas. E assim foi até chegar ao meu destino, fui obrigada a disputar espaço na rua com os carros, nem sempre pacientes e cientes do motivo de estarmos ali no lugar deles. Nem vou entrar na questão “som de carro”, nem preciso sair de casa para isso. Meu vizinho está desde ontem com um carro de mala aberta gritando no meu ouvido. Por muitas vezes a população reclama do poder público, cobra deles atitude (e de fato eles devem ter), mas o que fazemos para colaborar? Voltei para casa com a certeza que não é só a Prefeitura que precisa tomar atitude, mas a população também. O respeito ao próximo se perdeu, cada um só pensa em si. Cresci aqui, curti minha adolescência neste lugar, e fico triste em ver no que este lugar está se transformando. Torço para que de fato a Ordem Pública consiga fazer seu papel, estou esperançosa por isso, mas infelizmente temos algo a fazer que não depende deles, pois educação vem de casa.
(Cristiane Teixeira Guerra)

Carnaval 2º. Dia IV

Um grave acidente, com vítimas, aconteceu na madrugada de sábado para domingo na rodovia Rio x Santos no trecho entre Muriqui e a Praia Grande. Segundo o jornal Diário do Vale, uma pessoa morreu e outras duas estão em estado grave. A colisão envolveu um ônibus e dois carros.

acidente-praia-grande

Carnaval 2º. Dia V

Em Itacuruçá, apesar de um ou outro incidente isolado, o carnaval está transcorrendo de forma surpreendentemente tranquila. Os poucos carros de som que conseguiram entrar no distrito foram rapidamente advertidos e, pelo menos um deles, recolhido. Outros, alertados quanto à proibição, sequer abriram suas “malas”. Sem blocos, o movimento de pessoas está tão tranquilo que nem o ponto de ônibus da Expresso, que costumava ser deslocado para a saída do distrito, sequer foi retirado de seu local na praça da estação.

Carnaval 2º. Dia VI

Em Muriqui, ao contrário, há diversos relatos da presença de carros de som tocando  alto músicas inadequadas, ambulantes disputando espaço com comerciantes regulares, e até de churrasqueiras instaladas em calçadas e na areia da praia.

Farinha pouca

Um problema a ser equacionado pelo poder público é se queremos ser destino turístico ou apenas ponto de passagem. A queixa, apesar de justa, se atendida nos termos colocados pelo reclamante, decerto afastará a turma dos esportes radicais. De outra parte, assiste razão a ele no que diz respeito à sua clientela habitual. Reclama o comerciante: “Todos esses carros, fazem parte de um grupo de Rappel que estão utilizando nossas cachoeiras de Muriqui e que estão deixando seus automóveis, estacionados irregularmente no patio rotativo do Posto Verdes Mares / Lanchonete Ser Verde / Cocadas de Muriqui / Flora Doces e Artesanatos, foram informados de que não poderiam deixar os automóveis por muito tempo e simplesmente responderam que não iriam remover os carros, inclusive um dos praticantes, respondeu a uma das nossas funcionarias, que o mesmo era PM e que se acontecesse alguma coisa com os carros estacionados, que eles resolveria. Resumindo, precisamos de apoio, como devemos proceder nestes casos? Ttem sido constante, todos final de semana é a mesma coisa, chegam bem cedo, montam as cordas na cachoeira e depois fazem o ponto de encontro aqui no posto e largam seus automóveis aqui, ocupando vagas rotativas, atrapalhando o comercio local, a logística de estacionamento dos ônibus que utilizam o local Como parada para banheiro e alimentação.”problemas-de-verao

Anúncios

2 respostas em “27 de fevereiro de 2017

  1. Caos na rua Ceci e Major Caetano em Itacuruca

    Desde sexta feira moradores dessas ruas não tem paz e sossego, as ruas foram tomadas de carros de veranistas a tal ponto do caminhão de lixo não conseguir passar; som alto dia e noite nas residências; carros estacionados irregularmente em calçadas; som de madruga nos carros que aqui estão disputa com som das residenciais; algazarra quando passa o trem de minério.
    ninguém faz nada, cade o choque de ordem que so fica do estacionamento Santana pra baixo do centro?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s