23 de novembro de 2016

Frase do dia

Se o relógio indica a existência do relojoeiro, se o palácio anuncia o arquiteto, como poderia o universo não demonstrar a inteligência suprema? Que planta, que animal, que elemento, que astro, não traz a marca daquele a quem Platão chamava o Eterno Geômetra? (Voltaire)

O gato na tuba

A respeito da postagem de ontem que indicava a possibilidade de uma tentativa de interferência na composição da câmara para a legislatura que se inicia em 2017, um atento observador notou que “o jabuti colocado no alto da árvore” não se referia à possível interferência nas decisões da nova legislatura a ser empossada em janeiro de 2017, mas sim no tempo de mandato da nova mesa diretora, que passaria (ou passará) a ser de dois anos.

O gato na tuba II

Segundo as informações que correm nos bastidores, o atual presidente da câmara de Mangaratiba, vereador reeleito Vitor Tenório, é o indicado pelo potencial prefeito Aarão, (a depender de decisão do TSE). Aprovada essa resolução, ele terá absoluto controle sobre as decisões da câmara municipal pelos próximos dois anos.

Semana decisiva

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, convocou três sessões extraordinárias- para os dias 16, 23 e 30 de novembro de 2016 a partir das 19 horas. As sessões plenárias ordinárias ocorrem sempre às terças e quintas-feiras, a partir das 19h e 9h, respectivamente. O TSE disponibiliza on-line, em formato de vídeo e áudio, a transmissão dos julgamentos.

Atualização (às 07:30)

Foi divulgada, na noite de ontem pelo TSE as pautas de julgamentos de hoje e amanhã. Os processos que interessam diretamente à nossa região (Mangaratiba e Itaguaí) ainda não foram incluídos. A próxima rodada de julgamentos deve acontecer na semana que vem, nos dias 29, 30 e 1 de dezembro.

Itaguaí

Um prefeito que não respeita seus educadores e que sequer toma alguma atitude para acalmá-los, parece estar longe de ter educação e bom senso. Sendo assim, não sobram alternativas que não seja o protesto dos verdadeiros educadores (aqueles que lutam por seus direitos, como ensinam à seus alunos), diferente de vários outros que se dizem educadores, mas que pensam apenas em si, os profissionais começaram uma caminhada nessa segunda, na entrada da cidade na Avenida Deputado Otávio Cabral, via de interconexão entre a RJ 099 (Piranema) e BR 101, a Rodovia Governador Mário Covas (Rio x Santos). Os protestos são contra os atrasos de salários, cortes de direitos e total omissão do governo em divulgar as datas de pagamentos. Muitos ainda não receberam o salário de outubro e até o momento o prefeito Weslei Pereira, sequer deu datas para pagar o que aos servidores é de direito. Os trabalhadores caminharam embaixo de sol e tiveram apoio dos populares que já enxergaram que o maior problema da cidade atualmente é na gestão municipal. (Fonte: Boca no Trombone)

Ladeira abaixo

Depois do episódio da prisão, agora transformada em domiciliar do ex-governador Garotinho, mais uma notícia do mundo da política atinge a família. O Partido da República anunciou nessa segunda-feira a expulsão da deputada Clarissa Garotinho por ela ter votado contra a proposta de emenda à Constituição que limita os gastos públicos. O partido havia fechado questão em torno do texto, o que permitiria sanções a parlamentares que votassem contra a PEC. A PEC do teto estabelece que os gastos da União (Executivo, Legislativo e Judiciário) só poderão crescer conforme a inflação do ano anterior, pelos próximos 20 anos. De acordo com o Secretário de Comunicação do PR, Vladimir Porfírio, a decisão da legenda é irrevogável, ou seja, não cabe recurso por parte da deputada. A expulsão do partido, contudo, não interfere no exercício do mandato de Clarissa.

Ladeira abaixo II

As más notícias para a família “Garotinho” vêm se acumulando desde outubro passado. Há cerca de um mês, o Tribunal Regional Eleitoral cassou os mandatos da ex-governadora do Rio e prefeita da cidade de Campos dos Goytacazes e do vice, Dr. Chicão, por abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação. A decisão deixa a prefeita e o vice inelegíveis por oito anos, a contar das eleições de 2012. A decisão ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília. Até que o caso seja julgado em última instância, ambos permanecem no cargo. O relator do processo afirmou que houve publicidade institucional indevida no portal oficial da Prefeitura de Campos dos Goytacazes na internet . Ainda de acordo com o magistrado, programas e ações da administração municipal foram apresentados como “realizações pessoais e diretas da prefeita e do vice-prefeito, ao mesmo passo em que são narrados acontecimentos protagonizados por ambos, mas sem nenhuma relação com as atividades administrativas do município”.

Curiosidade

Joias e ternos importados não foram os únicos itens que a força-tarefa da Lava-Jato no Rio de Janeiro encontrou no apartamento do ex-governador Sérgio Cabral, no bairro do Leblon. Os investigadores encontraram no banheiro da esposa de Cabral, Adriana Ancelmo, uma privada repleta de botões. O “adereço” é da marca polonesa “Xime”, especialista no segmento. O equipamento fornece água em três temperaturas: 35°C, 40°C ou 45°C. O assento também pode ser aquecido.

Anúncios

2 respostas em “23 de novembro de 2016

  1. Frase do dia
    O que acontece com um arquiteto que projeta uma obra que desde o início apresenta problemas sérios de estrutura e habitabilidade e ao fim e ao cabo vai implodir ?
    Perde o diploma.
    Será este o motivo de não termos notícia de nenhum outro mundo habitado?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s