09 de novembro de 2016

Frase do dia

Faça como o velho marinheiro, que em meio ao nevoeiro leva o barco devagar. (Paulinho da Viola)

Desamparo

Desde o final do dia de sexta-feira, os caixas eletrônicos de Itacuruçá não receberam recarga de numerário. Turistas e, especialmente moradores, ficaram sem acesso a seus dinheiros. No limite da necessidade, no domingo, um morador do distrito foi a Muriqui para tentar sacar algum dinheiro. Lá, descobriu que um dos dois caixas eletrônicos estava inacessível, pois instalado em uma loja que não abre aos domingos e o outro também estava sem dinheiro. Até ontem, terça-feira, todos continuavam inoperantes para sua principal função, a de saque.

Coisas de brasileiro

Um turista brasileiro derrubou acidentalmente uma estátua do século 18 no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa, capital de Portugal, na manhã de domingo. Segundo a direção do museu, o incidente aconteceu quando o visitante recuava para fotografar outra obra de arte. Sem perceber, esbarrou com as costas na escultura barroca de madeira, que caiu e quebrou. A galeria onde fica a estátua está fechada e deve reabrir na terça-feira. A escultura foi encaminhada para a restauração. A identidade do brasileiro foi preservada. Em entrevista ao jornal português “Diário de Notícias”, Teresa Bizarro, assessora do Ministério da Cultura de Portugal, afirmou que uma primeira avaliação concluiu que os “danos são reversíveis”. Ainda segundo a assessora, um dos vigilantes do museu teria alertado o turista para não recuar mais, mas ele não ouviu a tempo. A estátua, que representa São Miguel Arcanjo, está desde julho na Galeria de Escultura Portuguesa, no terceiro piso do edifício. A direção do museu irá analisar o caso com mais profundidade nos próximos dias, podendo inclusive escolher outro local para expor a escultura. (Fonte: Jornal Extra)

A propósito

Ao ler a notícia acima, um morador lembrou do cruzeiro de pedra do século XVIII que ficava em frente à igreja de Nossa Senhora da Guia, em Mangaratiba e foi derrubado (e quebrado) porque algum “apedeuta” resolveu utilizá-lo como suporte para pendurar bandeirinhas de festa. Pergunta ele, ainda, onde foram parar os pedaços recolhidos? Foi ou está sendo feito algum esforço de restauração?

Saúde

Há muito tempo que surgem denúncias quanto à precariedade das instalações e das condições da ambulâncias da Samu Mangaratiba. Desde que o prefeito Ruy assumiu, nada foi feito para melhorar as condições de serviços dos profissionais que lá trabalham. Apesar disso, neste tempo e mesmo nas condições precárias, a Samu realiza um excelente trabalho junto à população. Porém, este serviço não é reconhecido nem pelo prefeito nem pelos secretários de saúde que passaram por lá. As pessoas que vão em busca de ajuda se deparam com as condições ficam incrédulas com a precaridade em que estão as instalações. Engana-se quem pensa que não é do conhecimento do dr Ruy, do secretário de saúde. Moradores de comunidades vizinhas estão recolhendo assinaturas para encaminhar denúncia ao ministério público. Segundo eles, a falta de médicos e viaturas quebradas estão deixando moradores sem atendimento . Estamos na expectativa que por meio do MP medidas sejam tomadas para que o trabalho tão importante que a Samu realiza não seja interrompido. (Luiz Carlos Souza, via facebook)

Sem palavra

Em 2012, o secretário de Planejamento e Gestão do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Ruy Barbosa, garantiu que o adicional por tempo de serviço era um direito adquirido do servidor. Dessa forma, não havia hipótese de o governo retirar o triênio para quem já o recebia ou promover qualquer outro tipo de mudança. As reestruturações efetuadas em diversas categorias, como a criação da carreira de professor com carga horária de 30 horas e as alterações nas carreiras dos policiais civis, mantiveram o pagamento de triênios. A Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 4.782 ajuizada no Supremo Tribunal Federal pela Procuradoria Geral do Estado manteve todos os direitos dos servidores públicos estaduais. Isso quer dizer que os triênios estavam garantidos, e a ação apenas dava respaldo jurídico para a criação de carreiras que tinham formas de progressão e remuneração desatreladas do tempo de serviço. Já agora no fim de 2016, uma das medidas de enxugamento de despesas do estado, anunciada na manhã da última sexta-feira pelo governo do estado, foi justamente o fim do triênio para os servidores do executivo estadual. Os funcionários do legislativo, judiciário e orgãos como Defensoria Pública, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado não serão atingidos.

Clepto

E você achava que ela só roubava do seu bolso? As curiosas histórias vieram à tona na coluna do renomado jornalista Cláudio Humberto, onde afirma que Dilma levava objetos dos hotéis por onde passava. Se é doença ou não, nenhum especialista confirmou o problema. Veja alguns trechos da coluna: “Diplomatas passaram vergonha, certa vez em Buenos Aires, ao serem cobrados de algo que faltava, após Dilma deixar o hotel Four Seasons.” “O Four Seasons enfeitara a mesa de jantar da suite de Dilma com uma belíssima (e cara) toalha. Ela gostou tanto que levou para casa.” “Ao deixar o hotel Westin Excelcior, em Roma (diária de R$8 mil), Dilma não de fez de rogada e levou dois travesseiros que adorou.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s