30 de abril de 2016

Frase do dia

Existem dois tipos de políticos: os que lutam pela consolidação da distância entre governantes e governados e os que lutam pela superação dessa distância. (Antonio Gramsci)

Cobrança certeira

Questionamento enviado ao blog através da área de comentários. “Estive esta semana na Ilha de Itacuruçá fazendo a trilha que contorna a ilha. Sem sombra de dúvidas a ilha é magnífica em belezas, além de possuir grande parte da mata nativa que abriga dezenas espécies de animais e plantas.Mas, na quase isolada Prainha me deparei com 6 barracas reunindo um total de 12 pessoas. Triste ver que o lixo se acumula, galhos cortados e o mal cheio de fezes e urina dominam a praia. Isso tudo em baixo de uma placa “PROIBIDO ACAMPAR NESTE LOCAL”. Nobre amigo, quem seria responsável pela fiscalização? A Marinha ou a Prefeitura de Mangaratiba? (Marilene, via área de comentários)

É mentira? Terta.

Com o início do processo de recuperação do buraco na RJ 14 na região do Apara, também começou a disputa pela “paternidade” do conserto. Na página oficial da prefeitura, diz o prefeito Dr. Ruy: “No ano passado, assim que assumimos, estive pessoalmente com o governador Luiz Fernando Pezão para solicitar este reparo. Na ocasião ele prometeu esta obra. Desde então, tivemos que aguardar. Mas agora esse problema será resolvido”. Já nas redes sociais corre um video do deputado estadual Pedro Augusto que, ao lado do presidente do DER, assegura que foi ele quem conseguiu solucionar o problema. Aliás, nesse video, constata-se que não é só gripe que “pega”. O presidente do DER disse que iriam começar as obras na RJ 114. Logo corrigiu para RJ 14. Faltou dizer se o buraco fica no Apara ou no ah! Para.

Guerra de guerrilhas

Protestos orquestrados pelos ditos “movimentos sociais” ligados ao PT paralisaram diversas cidades na manhã da última quinta-feira, impedindo trabalhadores de trabalhar,doentes de chegar a um hospital e a população com diversos compromissos sendo cancelados. O que eles tinham em comum é que foram orquestrados e executados com a precisão de “comandos militares”. Em todas as cidades onde aconteceram, os grupos já chegaram trazendo pneus, fecharam as vias e os incendiaram. Causado o tumulto, desapareceram, misturando-se à multidão.

Pedaladas salariais

Plano secreto do Planalto prevê uma manobra que obrigaria os cofres públicos a bancar o “governo paralelo” anunciado por Dilma após seu afastamento. A ideia é nomear ainda no governo atual, antes do dia 11 (data de votação do impeachment), os membros do futuro “governo paralelo”. Ao serem demitidos pelo novo governo, pedirão o “direito a quarentena remunerada” por 4 meses. A Comissão de Ética Pública da Presidência da República teria papel essencial para fazer os cofres públicos bancarem o “governo paralelo”. O esquema prevê aprovação da “quarentena” pela Comissão de Ética Pública, alegando “inviabilidade” de os demitidos obterem empregos. Quatro meses de “quarentena remunerada” serão suficientes para bancar o “governo paralelo”, avalia a cúpula do PT no Planalto. Suspeito de corrupção no governo, ex-ministro Antonio Palocci obteve “quarentena remunerada” avalizada pela Comissão de Ética Pública. (Fonte: Diário do Poder)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s