19 de abril de 2016

Frase do dia

Dentro de mim existem dois lobos. O lobo do ódio e o lobo do amor. Ambos disputam o poder sobre mim. Qual vence? Aquele que eu alimento! (De um velho índio)

Dia do índio

Antes que os homens aqui pisassem nas ricas e férteis terras brasilis que eram povoadas e amadas por milhões de índios, reais donos felizes da terra do pau Brasil. Pois todo dia e toda hora era dia de índio. Mas agora eles só tem o dia dezenove de abril. Amantes da pureza e da natureza. Eles são de verdade incapazes de maltratarem as fêmeas ou de poluir o rio, o céu e o mar, protegendo o equilíbrio ecológico. (Jorge Benjor)

O Buraco

A Prefeitura de Mangaratiba anunciou que o Departamento de Estradas e Rodagem e a empresa vencedora da licitação, Construtora Macadame Ltda e estão nos ajustes finais para o início da obra de contenção na RJ 14, na altura da Praia Brava. A licitação foi feita em regime de emergência há três meses. O secretário de Planejamento Sérgio Costenplate informou que conversou com o presidente do DER, Ângelo Monteiro Pinto, e com o dono da Macadame, Massiste Melo, na última  sexta-feira. A Prefeitura se mobilizou junto ao Estado, que, por dificuldades financeiras, não conseguiu começar a obra de pronto, mas os acertos finais já podem oferecer a previsão para o início em até 10 dias. (Fonte: PMM)

Cais turístico

Mais um vereador de Mangaratiba deve apresentar indicação parlamentar pelo reparo do cais turístico de Itacuruçá que está há alguns anos em acelerado processo de deterioração. Na manhã de ontem, uma segunda-feira que deveria receber  setecentos ou oitocentos turistas, apenas um dos quatro acessos aos barcos estava disponíveis, mesmo assim bloqueados por mais de uma hora pelos barcos da Marinha, transportanto pessoal para a Marambaia. Por conta desse descaso diminuiu, sensivelmente, a presença de “gringos” para os passeios de saveiro.

Que vergonha!!!

O detalhe mais comentado, nessa segunda-feira, em todos os lugares onde as pessoas se encontraram, foi o “comportamento” dos nobres senhores e senhoras deputados federais durante seus dez segundos de exposição na mídia nacional para votar a favor ou contra o impeachment. A bem da verdade, pareciam estar na câmara de vereadores da fictícia cidade da novela “Velho Chico”, ou, se formos mais atrás, de “Sucupira”. Poucos, muito poucos, votaram “em nome dos “tantos mil eleitores que me delegaram o mandato.” Votaram, sim, “pela minha mãe, pelo meu pai, pelos meus filhos, etc.”

Representantes do povo?

O PDT iniciou o processo de expulsão dos seis deputados federais do partido que domingo, votaram a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff , contrariando determinação expressa do Diretório Nacional. A decisão do PDT de votar contra o impeachment foi tomada em dezembro do ano passado, sendo referendada posteriormente, por unanimidade, pelo Diretório Nacional reunido em Brasília dia 22 de janeiro e, por último, confirmada na última sexta-feira , em reunião da Executiva com integrantes da Comissão Nacional de Ética, presidentes dos movimentos de base partidário e integrantes das bancadas do PDT na Câmara e no Senado. Reunida ontem na Sede Nacional do partido, em Brasília, os membros da Comissão Permanente discutiram o comportamento dos deputados do PDT e, ao final, confirmaram a decisão de expulsar os deputados infiéis. Votaram contra a determinação da direção do partido e foram expulsos, de ofício, os deputados federais Mario Heringer, Sérgio Vidigal, Giovanni Cherini, Flávia Morais,  Subtenente Gonzaga e Hissa Abrahão.

Um novo tempo

Para ocupar a Fazenda em um eventual governo Temer, os realmente cotados hoje são Henrique Meirelles e Armínio Fraga, ex-presidentes do Banco Central, e o senador José Serra . Além de ser cogitado para a área econômica, Serra poderia ser indicado também para a Educação ou Saúde. O vice-presidente Michel Temer se dedicará nos próximos dias a articular nomes para o seu provável ministério. Ele precisa se organizar para quando o Senado instaurar o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, como é a tendência. Temer deseja dar um choque de confiança na economia, nomeando para a Fazenda um nome que melhore as expectativas econômicas. Nesse contexto, Meirelles e Armínio são benquistos pelo mercado financeiro. Já Serra desagradaria a boa parte do mercado. Por isso, o senador tucano também poderia ocupar uma pasta de peso na área social. (Keneddy Alencar, rádio CBN)

Anúncios

Uma resposta em “19 de abril de 2016

  1. Lauruss..
    Sem falar!!Não podendo deixar de falar!!
    Do grande, maguinífico, iluminado, extraordinário PROFETA do Rio fe Janeiro, enrriquecendo até segunda feira última a bancada do Psol, nosso Deputado Cabo Daciolo..
    Muito empolgante sua fala no Domingo, profetizando em nome de Jesus a queda do império de Roberto Marinho.
    Falando com muita altivez e certeza q no qual isso ocorrerá…Sem falar que o mesmo tem uma PEC de sua autoria, que onde a Constituição diz que “Todo poder emana do povo……..”, ele gostaria de mudar para TODO PODER EMANA DE DEUS…
    rsrsrsrsrs..
    E para finalizar, ver um Deuputado cuspindo em JAIR BOLSONARO, foi o fim da linha…
    De uma coisa é fato!
    Brasil eata mau tepresentado, mau servido de parlamentares.Poucos ali são coerentes, antenados para o Brasil.
    De um lado bancadas fanáticas q se acham enviado dos céus para salvar o mundo, de outro recalcados, inexpressivos politicamente e a maioria visando seu proprio benwfício.
    Triste.
    Mais q saia Dilma pois ela já deu….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s