23 de março de 2016

Frase do dia

Escreva na pedra aquilo que lhe fizerem de bem, e na areia aquilo que lhe fazem de mal. Porque o que há de mal o vento vem e leva. E o vento há de soprar. (Anônimo)

Refluxo

Os moradores dos condomínios “Fragatas I” e “Fragatas II”, em Itacuruçá, além dos moradores do grande edifício na esquina das ruas Orlandina e Evelina, na esquina do Iate Clube de Itacuruçá, não mais aguentam o descaso do poder público como que está acontecendo na área. De acordo com um dos moradores de um desses três condomínios, o assoreamento das redes de esgoto está provocando o retorno das águas servidas às residências, por conta do entupimento dos canos. Até há alguns anos, o problema era resolvido (temporariamente) pela ação de um caminhão de sucção.  A solução deixou de ser aplicada.;

Segue

Um dos reclamantes, em contato com o secretário de serviços públicos, há dois ou três meses, assegura que o mesmo teria constatado a necessidade de intervenção mais aprofundada do poder público. Entretanto, nem mesmo o caminhão de sucção voltou a aparecer e o problema continua. E bvoltou mais complicado ainda, porque os condomínios em questão agora estão utilizando bombas para lançar os detritos na sarjeta de outra rua das proximidades.

HMVSB

Acabei de presenciar uma cena no hospital de Mangaratiba e isso prova que minha cidade está uma vergonha. Acabou de chegar uma mulher grávida chorando de dor e já quase tendo o filho na recepção do hospital e foram obrigados a transferi-la para o hospital de Santa Cruz  pois não tinha um ginecologista de plantão no hospital da cidade. Pelo amor de Deus, prefeito, não é falando mal, mas acorda pro seu município onde vocês cobram demais da população e não melhoram nada na cidade.(Tiago Serra, via facebook)

Risco constante

Domingo, fomos à missa em Ibicuí e, passava das 17:30h. Ao atravessar a linha férrea, o susto: o apitar do trem de carga. Por sorte, o mesmo ainda estava a cerca de cinquenta metros e vinha devagar. Por sorte, o motor do carro não morreu. Por sorte, atravessamos ilesos. Cadê os sinais luminosos e sonoros? Onde estão as barreiras? Onde estão os Guardas da Rede? E o funcionário naquela moto que anda à frente, de guarita em guarita, oportunidade em que dois Guardas, sinalizam, param os carros, alertam motociclistas e transeuntes? Pode parecer absurdo tanta exigência, mas não é. Os moradores e visitantes (nosso caso), merecem tratamento e respeito iguais. É questão de segurança pública. Digo isto porque ali, em Pinheiral, Piraí e municípios vizinhos, esse trabalho é realizado, visando a segurança dos moradores, visitantes, turistas. Todos esses equipamentos de segurança pública sobre passagem de linha férrea, funcionam,  guarnecidos por funcionários em guaritas 24 horas por dia. E diante disso, fui procurar saber e, pasmo, tomei conhecimento de que em Itacuruçá e Muriqui, também não são aquinhoados com este serviço necessário e urgente, para segurança da população. Não temos esse serviço porquê ? Nossas autoridades públicas não solicitaram/exigiram? Nossos representantes não viram ou foram alertados sobre esta situação de risco real? A Empresa MRS, que utiliza a linha férrea, não vê necessidade? Sem querer ser trágico. (Nei do Rubião, via facebook)

A propósito

Há cerca de seis anos, quando da inauguração do viaduto sobre a linha férrea em Itacuruçá, a determinação da justiça, acatada pela MRS-Vale, era de acabar com a passagem de nível ligando as ruas Evelina e João Bermudes de Castro. Por pressão de comerciantes, a solução apresentada pelo então governo Capixaba foi a construção de uma guarita de segurança, onde guardas municipais fariam o controle do trânsito de pessoas e veículos sempre que houvesse a aproximação de trens de minério. A fórmula durou poucos dias, vez que, aos poucos, os guardas municipais (ou contratados) designados para a tarefa foram, aos poucos, sendo remanejados ou dispensados. A cabine continua lá, sem qualquer serventia atualmente.

Protesto

Surgindo como “formigas no açúcar”, os contratados estão a cada dia suprindo as necessidades existentes nas unidades escolares, por outro lado, “cobre um santo mas deixa outro descoberto”, já que os aprovados no concurso de 12/2o15 permanecem aguardando vaga? Pelo que eu pude entender a falta de mão de obra gera vagas, sendo assim, que tal agir de maneira constitucional: nos convoque prefeito dr. Ruy Quintanilha! (Paula Renata, na página Boca no trombone)

A “onça” está alerta

A força-tarefa em Curitiba deve antecipar uma série de ações ligadas à Operação Lava-Jato como forma de responder às tentativas de intimidação dos investigadores, que se intensificaram nas últimas semanas. Fatos como a nomeação do ex-presidente Lula para a Casa Civil, as tentativas de desqualificar o juiz Sergio Moro e a entrevista do ministro Eugenio Aragão sedimentaram nos procuradores, delegados e agentes da Polícia Federal a convicção de que haverá uma tentativa de conter as apurações. Em virtude disso, devem ser aceleradas a revelação de documentos apreendidos em fases anteriores da operação, a denúncia de investigados e até novos pedidos de busca e apreensão, condução coercitiva e prisões. (Fonte: Radar, revista Veja)

Ironias do destino

Em 2010, Lula prestou solidariedade ao Edward Snowden do Wikileaks, que divulgou ligações dos diplomatas Norte Americanos. Disse ele à época: “O rapaz estava colocando apenas aquilo que ele leu. E se ele leu porque alguém escreveu, o culpado não é quem divulgou, o culpado é quem escreveu. Portanto ao invés de culpar quem divulgou, culpem quem escreveu a bobagem, senão não teria o escândalo que tem”.

Explica, e não justifica

No discurso feito durante a cerimônia de posse de Lula na quinta-feira, a presidente Dilma Rousseff justificou o atraso de Jaques Wagner – transferido da Casa Civil para a chefia do gabinete presidencial – ao dizer que: “Como Jaques Wagner não usa avião da FAB, o Jaques Wagner teve um contratempo e está chegando apenas às onze horas”. Na sexta-feira, menos de 36 horas depois do discurso de Dilma, Wagner embarcou numa aeronave da FAB para Salvador, cidade onde reside. No domingo, Wagner pegou um voo, da FAB, de Salvador para Brasília. Eis o que diz a própria FAB sobre os voos de sexta e de domingo: “os voos foram realizados em apoio ao Ministro Chefe do Gabinete Pessoal da Presidência da República”. Vantagens de ter foro privilegiado: escapar das mãos do juiz federal Sergio Moro nas investigações da Lava Jato e poder utilizar aviões da FAB.  (Revista Época)

Sobrou pra ela

A mulher do senador e ex-presidente da República Fernando Collor é a mais nova denunciada por suposto envolvimento no esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato. O nome de Caroline Serejo Medeiros Collor de Mello foi incluído num pedido de aditamento no mesmo inquérito que investiga o senador por compra de carros de luxo pagos com propina desviada da Petrobras. O pedido de aditamento foi feito na segunda-feira pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal. Teori Zavascki, relator da Lava Jato na Corte, caso aceite a denúncia, deverá pedir para que a defesa de Caroline se manifeste sobre o caso. Em agosto do ano passado, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou Collor ao Supremo pela suposta prática de corrupção e lavagem de dinheiro na Lava Jato. A denúncia aponta um “sofisticado esquema” de lavagem de dinheiro através da compra de pelo menos cinco carros de luxo, com verba oriunda de propina. Os carros chegaram a ser apreendidos pela Polícia Federal, mas foram devolvidos ao senador em outubro. O Supremo admitiu Collor como fiel depositário de quatro dos cinco carros.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s