26 de abril de 2015

Frase do dia

Tenho prazer em ser vencido quando quem me vence é a razão, seja quem for o seu procurador. (Fernando Pessoa)

Aurora boreal

No início da noite de ontem clarões coloridos podiam ser vistos a leste de Itacuruçá. O fenômeno demorou cerca de dez minutos e, ao que parece, deveu-se à explosão de algum equipamento na área da Nuclep, em Itaguaí. As primeiras informações apontam para um incêndio na subestação da Ligth em frente à parada Costa Verde.

Uma semana depois

Remexendo a lama dos últimos acontecimentos no município, os principais jornais do Rio de Janeiro publicam denúncias cada vez mais estarrecedoras. Diz o jornal “O Dia”: “Testemunhas da investigação que levou o prefeito afastado de Mangaratiba, Evandro Capixaba, à prisão afirmaram que o grupo envolvido no suposto esquema de fraude em licitações do município planejou o assassinato de um jornalista que apurava as denúncias e do vice-prefeito, Ruy Tavares Quintanilha, do mesmo partido. Ex-aliado político do prefeito, Ruy assumiu o cargo na sexta-feira, após a Justiça determinar o afastamento de Capixaba. De acordo com os depoimentos, o plano seria articulado pelo secretário de Segurança e Ordem Pública de Mangaratiba, Sidney Ferreira, que também está preso. Capitão da Polícia Militar, ele teria convocado uma reunião para arquitetar o assassinato de opositores do prefeito, entre eles Quintanilha e o jornalista Fábio Pontes, do jornal Rota Verde. As informações foram confirmadas por um sargento e um capitão do serviço reservado do 33º BPM.”

Mais do “O Dia”

De acordo com a investigação, o grupo envolvido no suposto esquema também cogitou pagar pelo menos R$ 150 mil para que as denúncias fossem abafadas. Um depoimento afirma que o secretário de Comunicação, a mando de Capixaba, teria oferecido R$ 50 mil a Pontes para que ele deixasse o caso de lado. Em outro momento, o vereador Pedro Capixaba, sobrinho do prefeito afastado, teria oferecido R$ 100 mil ao também vereador e empresário José Maria Pinho. Sócio da empresa Mangaratur, ele foi denunciado pelo MP por participar das fraudes em licitações e, em depoimento, confirmou o esquema. A propina seria paga para que ele “voltasse para o lado do governo”.

Diz o “Extra”

O esquema de fraude em licitações denunciado pelo Ministério Público Estadual em Mangaratiba envolveu irregularidades que alcançaram até mesmo a pintura da área de eventos da própria prefeitura. A Gradual Engenharia venceu a licitação no valor de R$ 217 mil, mas, de acordo com o MP, a concorrência foi uma farsa. Sob o comando do prefeito afastado do município, Evandro Capixaba, que está preso, a empresa vencedora e a Construpav, a outra concorrente, combinaram os valores antes do pregão, que aconteceu em março de 2012. Segundo o MP, a contratação ocorreu sem que houvesse divulgação do projeto básico da obra e sem publicação de edital. Posteriormente, para tentar mascarar a fraude, o prefeito teria encomendado ao jornal “Povo do Rio” que rodasse novamente edições antigas, em que teria sido incluído o aviso de licitação. O MP sustenta que, além do jornal, as 16 fraudes mencionadas na denúncia feita à Justiça contaram com a participação de integrantes da comissão de licitação da prefeitura de Mangaratiba. O esquema, de acordo com a investigação, foi usado também em obras de reforma de escola, construção de posto de saúde, compra de material didático e de alimentos para alunos e funcionários da rede municipal de educação.

Mais do “Extra”

A auditoria iniciada segunda-feira na Prefeitura de Mangaratiba pelo prefeito Ruy Tavares Quintanilha, que assumiu o cargo na última sexta-feira, após a prisão de Evandro Capixaba mostrou que pelo menos oito pessoas ligadas ao ex-prefeito, entre elas parentes, tinham cargos no município. Cinco delas estavam à frente de secretarias. A família de Capixaba representava um custo mensal de R$ 83.798,50 na folha de pagamento. Ana Paula Azevedo, mulher de Capixaba, era secretária de Ação Social. Três ex-mulheres do antigo gestor também trabalham na administração municipal: uma é médica, outra administradora de um posto de saúde e a terceira, assessora administrativa. Nelson Luiz Bertino dos Santos, primo de Evandro Capixaba, era secretário de Administração. Humberto Carlos Mendonça Vaz, cunhado do ex-prefeito, ganhou o cargo de secretário de Integração Governamental. O concunhado, Ricardo Albuquerque Pessoa de Brito, era secretário de Ciência e Tecnologia. Todos com salário de R$ 9 mil. Sérgio Garrido, outro cunhado do ex-prefeito, acumulava três cargos e recebia, no total, R$ 21 mil.

Enquanto isso, no G1

As escolas municipais de Mangaratiba não abriram na última sexta-feira. O motivo não foi somente o feriado prolongado. Faltou merenda para os alunos, como mostrou o RJTV. O contrato de compra de alimentos para os colégios está sendo investigado destro de uma apuração sobre problemas deixados pela antiga administração. Além do contrato da merenda escolar, outro que está sob suspeita é o de compra de relógios digitais. A prefeitura pagou R$ 159 mil para a vencedora da licitação, a FTB Comércio e Material Urbano Ltda., por 10 equipamentos, mas a cidade só tem um instalado. Pelos cálculos dos promotores, os desvios chegam a R$ 10 milhões, só em 2015, com o aval do ex-prefeito Evandro Capixaba, do PSD. As primeiras informações mostram que, além do rombo de R$ 90 milhões, a prefeitura tem 100 funcionários fantasmas. Segundo o Ministério Público, as fraudes atingiram licitações em várias áreas da prefeitura. (G1. Com)

Anúncios

3 respostas em “26 de abril de 2015

  1. Bem nem vale mais a pena comentar mais nada!!
    Mais uma coisa é certa….Teve e ainda continua tendo pessoas do Governo anterior que gosta muito de apontar o dedo e acusar ou outros, a resposta demorou mais veio…
    E ainda vai ter muita múcisa nesse forró;…
    Mais gostaria de perguntar ao Prefeito atual, o que ele vai fazer com a Sra. CLÉIA DA SAUDE, ANA PAULA COORD. DE ENFERMAGEM E tantos outros que fizeram da saúde um purgatório…Meu Deus, DR PREFEITO se livre logo dessas peças se não vc e nada é a mesma coisa…

  2. ficando complicada…prefeito, secretário e agorá vereadores, salve se quem puder!!! Lama e mais lama na minha Mangaratiba!!! breve alguns vereadores presos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s