18 de janeiro de 2015

Frase do dia

Cadê aquele pessoal azarado que toda vez que vem pra praia, chove? Estamos precisando de vocês! (Deyrdre Possideli – moradora de Mangaratiba)

Mais quatro dias

Começou ontem mais um périplo dos moradores do município. Serão quatro dias de cidade cheia, já que terça-feira que vem é feriado no Rio de Janeiro e não há previsão de chuvas para o período. Aliás, chuva que cairia bem também para amenizar o problema de falta de água em diversos pontos de Mangaratiba. Depois, teremos duas semanas sem feriados e, logo, o esperado “terror” do carnaval.

Fuzilados

O brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira, de 53 anos, foi executado na Indonésia às 15h31 de ontem, pelo horário de Brasília. O método de execução de condenados à pena de morte no país é o fuzilamento. Além do brasileiro, foram executados Ang Kiem Soe, cidadão holandês; Namaona Denis, residente do Malawi; Daniel Enemuo, nigeriano, uma cidadã indonésia, Rani Andriani e outra vietnamita, Tran Thi Bich Hanh. A presidente Dilma Rousseff divulgou nota em que disse estar “consternada e indignada” com a execução do brasileiro. O embaixador do Brasil em Jacarta, segundo a nota, será chamado “para consultas”, o que, na linguagem diplomática, representa uma espécie de agravo ao país no qual está o embaixador, um primeiro passo para o rompimento de relações diplomáticas.

A propósito

Apesar de defender a legitimidade do pedido oficial de clemência por parte do governo brasileiro, e que a morte de Marco Acher dói um pouco em cada coração verde e amarelo, lembra um oficial de alto escalão das forças armadas que nunca viu a presidente se manifestar de forma dura e veemente quanto à questão do tráfico internacional de drogas, quando os países envolvidos são a Colômbia ou a Bolívia, os maiores produtores mundiais de cocaína. No Brasil, o número de mortes anuais por conta dessa droga se contam aos milhares, entre bandidos, policiais, inocentes passantes, viciados, etc.

Profecia?

A cidade de Bacuri, que fica a 237 quilômetros de São Luiz, no Maranhão, tem menos da metade de habitantes do que Mangaratiba. Mesmo assim, o prefeito de lá se meteu em esquemas de fraude a licitações e desvio de verbas públicas. Teve seus bens tornados indisponíveis em outubro passado e está em vias de ser cassado. Por conta desses acontecimentos, um blog comunitário local criou e divulgou a lista dos dez mandamentos do bom prefeito que, à primeira vista, dá a impressão que foi feita tendo como modelo Mangaratiba. “Dez Mandamentos: 1° Colocar gente honesta e competente nos cargos de responsabilidade, se possível sem vínculo político; 2° Tornar as contas e atos da administração transparentes; 3° Cancelar o concurso público sob suspeita; 4° Parar de nomear apaniguados para comporem os Conselhos Municipais; 5° Não dar sequência a contratos milionários que são contestados judicialmente ou pelo tribunal de contas, a fim de poupar que o patrimônio do Município seja transferido para particulares; 6° Dar o exemplo pessoal como autoridade do Município, ou seja, não beber a ponto de ficar embriagado, não ser mentiroso, não ser promíscuo, respeitar a família sob todos os aspectos, não ser desonesto e achar que ninguém vai ficar sabendo dos trambiques, não fazer acertos em detrimento do Município, não pagar veículos de comunicação para se livrar de críticas, enfim, que seja um homem de verdade. Que a dignidade seja o caminho escolhido; 7° Dar prioridades para a Educação e a Saúde – Valorizar a figura do professor e Profissionais da Saúde, sobretudo valorizando seu salário. O professor precisa se sentir reconhecido pela administração pública, não se pode cobrar de uma classe trabalhadora sendo que seu salário mal dar para as necessidades básicas do dia-a-dia e deixar de ser hipócrita; 8° Excluir qualquer ato ou atitude que lembre alguma coisa como perseguição política. O prefeito que persegue, maltrata e até mesmo demite, aquele servidor humilde, honesto, simplesmente porque este tem opinião, pensamento diferente da sua. A liberdade de expressão há de ser respeitada dentro daquilo que chamo de respeito mutuo. 9° Um bom prefeito é aquele que é administrador, empreendedor e buscar soluções para o desemprego é uma meta não a ser buscada, mais sim alcançada. Busca permanente por parcerias empresariais e todos aqueles que podem e tem capacidade financeira de investir no município. 10° E por ultimo um bom prefeito não é aquele adorado, idolatrado, e sim aquele respeitado.” (Fonte: Bacuri Gazeta Popular, em http://tinyurl.com/opw5jl8)

Princípios

Determina a Constituição Federal de 1988 que a administração pública se regerá pelos princípios da impessoalidade, moralidade e publicidade. De acordo com juristas do porte de Celso Antônio Bandeira de Melo e Hely Lopes Meireles, o princípio da impessoalidade visa exatamente impedir que as pretensões pessoais dos administradores se sobreponham aos interesses públicos. Todo ato administrativo deve atender a esses interesses, não podendo haver favoritismos pessoais ou a terceiros, tampouco perseguições por questões políticas, religiosas, ideológicas ou pessoais de qualquer natureza. O princípio da moralidade significa que a atuação daqueles agentes públicos deve ser conduzida com base nos preceitos éticos, da boa-fé, honradez, da lealdade, da probidade. O princípio da publicidade, determina que é dever da administração pública dar publicidade a seus atos, levando-os ao conhecimento de todos, conferindo maior transparência e permitindo que qualquer cidadão possa acompanhar as ações dos gestores públicos, possibilitando questionar e ao mesmo tempo exercer um controle sobre estas atividades.

Só rindo mesmoEnem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s