24 de dezembro de 2014

Frase do dia

Contos de fadas são a pura verdade: não porque nos contem que os dragões existem, mas porque nos contam que eles podem ser vencidos. (G. K. Chesterton)

Triste índice

Durante todo o ano, o dia de maior acesso ao blog foi quando da ação da polícia federal na prefeitura de Mangaratiba, com quase mil e trezentos visitantes. Surpreendentemente, a notícia sobre o acidente na lanchonete-garagem, ocorrido no último sábado, fez essa contagem disparar para dois mil duzentos e quarenta e cinco visitantes em um único dia.

Carta a papai noel

“Querido Papai Noel, escrevo esta missiva para pedir meu presentinho. Gostaria que trouxesse todo o dinheiro desviado da Prefeitura de Mangaratiba, para ser investido na educação, saúde e segurança de nosso município. E que os culpados por estas deslisuras, tenham suas contas bancárias e bens bloqueados para garantir que o dinheiro desviado seja devolvido aos cofres públicos e presos. Sei que é muito trabalho para o senhor. Sendo assim pode pedir auxilio ao Ministério Publico e à Policia Federal. Acreditando no bom velhinho, agradeço desde de já meu presente. Obrigado Papai Noel.” (Mauro Guedes – via Facebook)

Cara de pau é pouco

Aguardado desde a última quinta-feira para prestar depoimento à Polícia Federal sobre a suspeita de comandar um esquema que desviava até R$ 30 milhões por mês dos cofres de Itaguaí, o prefeito Luciano Mota negou, nessa segunda-feira, a acusação e disse ao Globo ser um homem simples, que comprou somente um apartamento, por meio de um financiamento. Ele afirmou que espera apenas a marcação de horário para dar esclarecimentos aos investigadores e frisou não ser o dono de uma Ferrari amarela apreendida por agentes: dirigiu ‘‘duas vezes’’ o carro avaliado em R$ 1,2 milhão, que pertenceria a um amigo cujo nome não quis revelar. Mota também afirmou que foi outro amigo que comprou, por quase R$ 100 mil, a TV de 89 polegadas encontrada por agentes em sua casa. E o prefeito ainda garantiu que a PF se enganou ao apontá-lo como suposto proprietário de um helicóptero. A aeronave, com a qual deu ‘‘três voltas’’, seria ‘‘de um conhecido’’. Disse ele: “Nada disso é meu. Tudo que disseram é mentira, ainda estou perplexo com as acusações. A Ferrari, por exemplo, nem estava comigo quando foi apreendida, estava com o próprio dono. Meu mesmo, só havia um apartamento em Nova Iguaçu, que comprei em 2011 por R$ 179 mil e repassei para meu pai em 2013, por R$ 600 mil. Outra coisa: a TV não é minha, já pedi ao dono para vir buscar.” (Fonte: O Globo)

Os sócios

A falta de explicações, ou essas justificativas tortuosas, diante das acusações da Polícia Federal sobre desvio de verba pública, parecem não incomodar o Legislativo. Na segunda-feira, apenas dois dos 17 vereadores escolhidos pelo povo assinaram o pedido de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito contra o acusado. O ofício, no entanto, que poderia ocasionar o afastamento do prefeito durante uma sessão extraordinária necessitava de seis adesões. Apenas os vereadores Jailson e Willian Cezar assinam pedido de abertura de CPI.

Independente

Na última segunda-feira, o secretário de Meio Ambiente de Itaguaí, Cosme Giovanni Kede, prestou depoimento na Polícia Federal e afirmou desconhecer a existência de coleta seletiva de lixo na cidade. Uma das suspeitas da investigação é que o contrato com a empresa Tristar, responsável pela coleta há dois anos, tenha sido superfaturado. Em 2013, a empresa recebeu, de outra licitada, segundo denúncia, a responsabilidade de recolher o lixo no município, mesmo sem licença ambiental. Em janeiro deste ano, no entanto, após exatos 17 dias, a Tristar ganhou licitação no valor de R$ 31.699.957,56 milhões. Isso representa o dobro do que uma antiga empresa ganhou na outra gestão. E foi um processo em tempo recorde. Fora isso, eles dizem que essa nova empresa faz coleta de lixo seletivo, fato negado pelo secretário de Meio Ambiente. Outro ponto que deve ser esclarecido é o fato de o contrato de prestação de serviço não ter sido assinado pelo secretário de Meio Ambiente, mas sim pelo de Transportes, Alex de Lucena.

Afastem-se, vai explodir!

Considerado há poucos meses como promessa no PSDB, prefeito de Itaguaí, Luciano Mota, será expulso do partido. O motivo é a Operação Gafanhoto, deflagrada pela Polícia Federal no dia 18, que o acusa de chefiar uma quadrilha que desviava ao menos R$ 10 milhões por mês da Prefeitura de Itaguaí. O delegado da Polícia Federal Hylton Coelho, que comanda as investigações, diz que havia “uma espécie de mensalão” para ao menos 13 vereadores: “Ele, o prefeito, é o chefe do esquema” (Fonte: Rio 247)

Anúncios

2 respostas em “24 de dezembro de 2014

  1. Mestre Bom dia!!
    Paraa começar um Feliz Natal!!
    Com relação a postagem do Prefeito de Itaguai, teve uma publucação no facebook que no qual apareceu na monha rede social dizendo ele e seus seguidores que o q esta acontecendo é obra do inimigo,….Bem colocar a culpa em SATANAS com certeza foi a melhor saida!!
    Primeiro para tentantar novamente enganar seus seguidores e fazer a omagem de homem santo…
    A postagem relatava tudo que no qual ele falou na segunda feira, que principalmente era evangélico e um homem de Deus, que jamais roubaria nada de um semelhante seu….
    Balela!!….Mais um imoral, dissimulado tentando varrer sua sujeira para debaixo de seus tapetes persas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s