21 de novembro de 2014

Frase do dia

Pelo que tenho aqui, hoje, eu posso afirmar já dispor de elementos suficientes para pedir a imputação de responsabilidade ao prefeito e alguns servidores. (Promotor Alexander Véras em entrevista à rádio CBN)

No sol, sem peneira

Em entrevista à rádio CBN, o promotor Alexander Véras Vieira afirmou que mesmo antes da operação da última terça-feira já dispunha de inúmeros elementos de prova para instruir a Ação Civil contra a atual gestão municipal. Disse ele que, nas investigações preliminares já haviam identificado que os jornais onde deveriam constar as licitações, não correspondiam às edições arquivadas na Biblioteca Nacional. Segundo ele, a ação foi muito proveitosa, no entanto apesar de aguardar a presença do prefeito para acompanhar a ação, o mesmo não apareceu. Sua avaliação foi de que ele estaria preocupado com a possibilidade de acabar preso, por conta do outro processo em curso, que trata do desvio de verbas para São João do Meriti. Foram apreendidos cerca de cem processos licitatórios. Assegurou o promotor, ainda, que pretende, rapidamente, dar sequência ao feito, inclusive levando à justiça não só os agentes públicos, mas também os particulares que colaboraram com as fraudes. Sua atuação, no entanto, restringe-se ao âmbito cível, todavia, cópias de todo o procedimento também estão sendo encaminhadas para o Procurador Geral de Justiça, que poderá identificar e responsabilizar os envolvidos no âmbito criminal.

A propósito

O serviço de inteligência do Ministério Público suspeita que, na véspera da intervenção da Polícia Federal na sede da prefeitura de Mangaratiba, vários processos foram retirados de lá e levados para local ignorado. De acordo com essas informações, os responsáveis pelo deslocamento dos processos nem sequer tiveram o cuidado de esconder o fato dos outros servidores.

Lá também

Informação oriunda de Itaguaí aponta que alguns vereadores de lá também estão sendo investigados por conta de denúncias de aquisição de bens (apartamentos na Marina, em Itacuruçá) com dinheiro oriundo de propinas.

Nacional

A prisão dos poderosos chefões de empreiteiras, acusados de subornar autoridades e políticos para obter contratos bilionários na Petrobras, aumentou a tensão de aliados do governo no Congresso. Só falam em eventual impeachment de Dilma. Eles próprios, governistas, temem o surgimento de indícios de envolvimento da presidenta no escândalo, ou informações sobre dinheiro sujo no financiamento da sua reeleição. Em off, petistas ilustres trabalham com a certeza de que o tesoureiro João Vaccari Neto arrastará o PT, de vez, para o centro do escândalo. Mesmo com estrelas do partido enroladas no esquema do Petrolão, o PMDB espera tirar proveito do enfraquecimento de Dilma. Enfraquecida, Dilma se valerá do PMDB para sobreviver. Em caso de impeachment, pode até assumir a presidência com Michel Temer. Uma petição pelo impeachment de Dilma, no site Avaaz, já conta com 1.476.374 assinaturas  (Fonte: Diário do poder)

Pichação

Imóveis particulares em Itacuruçá, como o da imagem abaixo, têm sido alvo de pichações que acontecem, provavelmente, nas madrugadas. É urgente que o poder público tome providências para coibir essas ações criminosas que, além de enfeiar nossas cidades, criam um clima de “revanche”, que pode redundar em reações violentas por parte dos ofendidos.Foto0095[1]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s